Na noite da última quarta-feira (1º), o Partido dos Trabalhadores (#PT) postou em sua página no Facebook críticas a Operação Lava Jato. "O Cafezinho: A #Lava Jato foi a operação mais demolidoramente anti-mercado que alguém poderia conceber. Obrigado, Lava Jato! Obrigado, Globo! Pobreza e miséria voltam a crescer no Brasil", escreveu o partido na rede social.

O partido tem um histórico não muito bom com a Operação, e por isso a crítica feita no Facebook do Partido dos Trabalhadores deu tanto o que falar com os seguidores da rede social. Assim como a maioria dos partidos, o PT também conta com diversas aparições de seus filiados nas listas das delações.

Publicidade
Publicidade

E um acontecimento que marcou a Operação foi quando #Lula foi levado coercivamente para depor em favor da Lava Jato.

Não demorou muito até os internautas começarem a responder nos comentários da postagem. Um deles comentou: "Realmente, foi a lava jato q desviou milhões dos cofres públicos, que teve a pior gestão financeira dos últimos tempos. Realmente, a lava jato tem seus principais líderes presos e indiciados. A, façam o favor, desonestidade intelectual tbm já tá demais. Já virou doença! (sic)". Outro também comentou "PT tá se esforçando pra perder o mínimo de respeito que restou...(sic)" O partido não respondeu a nenhum comentário que recebeu.

Popularidade do partido nas redes sociais

O PT é um dos partidos mais populares nas redes sociais, com um número de seguidores no Facebook que ultrapassam a marca de um milhão.

Publicidade

Grandes personalidades do partido, como o ex-presidente Lula, também são muito populares na rede, somando mais de dois milhões de seguidores, ultrapassando, até mesmo, o perfil principal do seu partido. Já a ex-presidente Dilma Rousseff contabiliza números ainda maiores. Dilma possui mais de três milhões de seguidores em sua página no Facebook.

Apesar da grande quantidade de "curtidas" em suas redes sociais, a maioria das publicações feitas pelos petistas recebem comentários variados. Muitos criticando e até mesmo xingando o partido, outros elogiando e apoiando.