Em entrevista nesta segunda-feira (13), o deputado não escondeu que irá nomear militares para metade do seu ministério se eleito presidente. Ele também fez fortes críticas ao ex-presidente Fernando Henrique Cardoso, afirmando que ele está para ganhar o título de "princesa Isabel da maconha". Quando perguntado se admira Lula, ele apenas disse: "pelo amor de Deus".

Bolsonaro sempre foi muito polêmico, e podemos esperar muito mais dele. No momento, o seu estilo agressivo e firme ao promover suas ideias está aumentando seu carisma perante os eleitores, com 9% das intenções de voto para presidente da República. O deputado sempre fez severas críticas aos comunistas e aos militantes de esquerda.

Publicidade
Publicidade

A vida de #bolsonaro foi sempre cheia de altos e baixos. Em 1986, nas forças armadas, foi preso por afirmar: "O salário está baixo". E desde então foi uma melhor que a outra, conquistando a admiração de alguns e o ódio de outros. Boatos e notícias falsas sobre o deputado sempre foram constantes. Seus projetos sempre são radicais, principalmente com respeito ao combate à violência: "Você não pode combater violência com amor, combate com porrada". Assim apóia o uso de todo poder de fogo que o estado possui para combater a violência.

Em 1988, entrou na vida pública elegendo-se vereador da cidade do Rio de Janeiro pelo Partido Democrata Cristão. Em mais de 25 anos no Congresso, só conseguiu aprovar uma PEC, por isso não tem muitas conquistas para se gabar perante o eleitorado. Mas se a história o promove como um homem "difícil", ele por meio de seus discursos enérgicos e vibrantes tem vestido bem a camisa, utilizando isso a seu favor.

Publicidade

O #Brasil tem vivido um momento em que políticos como Bolsonaro podem tirar proveito a seu favor, e o deputado tem feito isso. Assuntos como a corrupção, que está em demasia, a violência e a dificuldade em combate-la, operações como a Lava Jato, são assuntos sempre abordados pelo deputado com muita propriedade e firmeza. Por temas como esses fazerem parte do cotidiano da nação, polêmico ou não, Bolsonaro tem muito a mostrar ao povo brasileiro. #Política