A modelo Taiana de Souza Camargo ficou conhecida por ser capa da 'Revista Playboy'. No entanto, nesta quinta-feira, 16, virou alvo do noticiário político. Isso porque a bela mulher caiu nas garras da Operação Lava Jato. Quando foi capa da revista erótica, Taiana disse que sabia demais. Ela foi ex-amante do doleiro Alberto Yousseff, citado em inúmeros processos com políticos e empreiteiras. Taiana não saberia apenas da corrupção. Segundo a #Polícia Federal, ela é acusada ainda de ocultar bens, valores, direitos e fazer lavagem de dinheiro. Yousseff, que por muito tempo bancou a gata, era o grande operador "propineiro" da Petrobras. A ação dele ocorreu entre os anos de 2004 e 2014.

Publicidade
Publicidade

O doleiro já deu depoimentos confessando vantagens indevidas que envolvem os mais diferentes níveis do governo, como senadores, deputados e governadores. O auge da amante de Yousseff foi em janeiro de 2015, quando foi uma das últimas capas da revista Playboy. Ela chegou a garantir na entrevista à publicação que foi a primeira pessoa a receber uma mensagem do doleiro, após ele ser preso, no ano de 2014. Na época, ela disse que ficou muito magoada, pois pouco depois ele parou de se comunicar com ela. Taiana disse que acreditava que o doleiro estava pensando em se preservar, mas que foi difícil conviver nesse momento.

A ex-capa da Playboy já havia sido intimida em março do ano passado. No entanto, ela não compareceu aos chamados da Justiça. Além disso, a bela mulher chegou a sair e voltar do Brasil por cerca de seis meses no ano passado, voltando apenas em dezembro.

Publicidade

A modelo teria recebido do doleiro um apartamento na cidade de São Paulo, além de um restaurante. A revelação foi feita no relatório do delegado Ivan Ziolkowski. Já na entrevista que deu à revista de nudez, a bela mulher tinha dito que ouvia falar em casos de corrupção. No entanto, agora ela nega que tenha recebido as vantagens indevidas. O problema é que a ex-amante de Yousseff, por não ter respondido aos anseios da Justiça, acabou ficando em uma situação bastante complicada.