O prefeito regional de São Miguel Paulista, Edson Marques, 60, é formado em Comunicação Social, Pós-graduado em Comunicação Jornalística e Mestre em Comunicação de Tecnologias Educativas. Atuou na Administração Regional de Itaquera, diretamente no Gabinete do Administrador, foi oficial de Gabinete na Câmara Municipal/SP, Assessor do Deputado Federal José Serra. Integrou os quadros da CDHU, (Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano), iniciando como gerente social, superintendente, coordenador do Programa Paulista de Mutirões. Exerceu o cargo de Chefe de Gabinete na Subprefeitura de São Miguel, além das funções inerentes ao cargo, coordenou ações específicas como Enchentes no Pantanal, reorganização dos camelôs, Psiu, Cidade limpa, mutirões bairro a bairro, jornadas cidadania e viradas culturais, serviu na Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo como Assessor Especial Parlamentar a serviço da Liderança do Governo, tendo atuado junto aos líderes Samuel Moreira, Barros Munhoz e, mais recentemente, Cauê Macris.

Publicidade
Publicidade

A chegada na Prefeitura de São Miguel

Atualmente está como Prefeito regional em São Miguel. A prefeitura atende a três distritos: São Miguel, Vila Jacuí e Jardim Helena. Os meios de comunicação, principalmente as redes sociais, na qual se destaca os grupos de Whatsapp, além do Facebook, blogs, páginas de internet, e as rádios comunitárias, são os grandes aliados de Marques no atendimento às demandas de sua competência. Hoje, uma das maiores preocupações em sua gestão está sendo o descarte ilegal de entulhos e lixo sólido na região. Na Vila Jacuí, Marques está empenhado, também, na liberação do Parque Primavera, que fica localizado no entorno, pois o embargo judicial, em abril de 2012, pelo Ministério Público Estadual, está sendo discutido juntamente com o Secretário do Verde e Meio Ambiente, Dr.

Publicidade

Gilberto Natalini, o qual se comprometeu na entrega do Parque ao público em setembro deste ano. Outro grave problema neste distrito: faltam vagas nas creches públicas.

O trabalho na região leste de São Paulo

Já no Jardim Helena, os maiores problemas enfrentados estão sendo as enchentes, as moradias irregulares e o saneamento básico. Na região do distrito de São Miguel, que compõem um dos maiores centro comercial do município, as inúmeras instituições públicas como hospitais, mercado municipal, colégios, um maior fluxo de carros e pessoas, faltam mais opções de lazer e a melhoria no sistema viário.

Segundo Marques, o prefeito da Cidade de São Paulo, João Dória, é a sua maior referência e exemplo de como administrar sua região, a exemplo dos mutirões de limpeza urbana. Na área da saúde, Marques afirma que o modelo João Dória de trabalhar está se popularizando pelo País. Quanto à pichação, ele afirma ser totalmente contra. “Não toleramos e não aceitamos que emporcalhem a cidade com pichações, já o grafite tem local apropriado”.

Publicidade

O prefeito conta com o apoio da GCM (Guarda Civil Metropolitana de São Paulo), que faz as rondas noturnas, mais os taxistas, que também colaboram com a fiscalização da região de São Miguel. Os moradores desta região contam com o serviço “Disque 156” da Prefeitura de São Paulo, para denúncias, reclamações e sugestões e, assim, ajudar a melhorar a cidade de São Paulo. #EunaRua #CidadeLimpa #Eu2017