O capital eleitoral de Luiz Inácio #Lula da Silva (PT) segue intacto mesmo após as inúmeras denúncias que estão sendo feitas contra o ex-presidente que é réu em cinco processos – três deles da Operação Lava Jato.

Lula aparece na liderança de todos os cenários pesquisados pelo DataFolha. Os números foram divulgados no dia 30 de abril e animaram petistas de todo o Brasil. No cenário mais favorável, o ex-presidente tem 44,6 milhões de votos. No mais desfavorável, são ‘apenas’ 41,7 milhões. Veja os detalhes.

Cenários

Há o risco de Lula ser condenado em primeira e segunda instância em um dos cinco casos em que é réu e ficar inelegível. Enquanto isso não acontece – se é que vai mesmo acontecer –, o ex-presidente comemora a popularidade cada vez maior.

Publicidade
Publicidade

Nos quatro cenários do #Datafolha em que é o candidato do Partido dos Trabalhadores (PT) nas eleições presidenciais do ano que vem, Lula aparece na liderança no primeiro turno do pleito.

No primeiro cenário, em que Aécio Neves é o candidato do PSDB, Lula teria 30% dos votos ou, numericamente falando, 43,2 milhões de votos. De acordo com o Tribunal Superior Eleitoral (TSE), o colégio eleitoral brasileiro é formado por 144 milhões de pessoas.

No segundo cenário, contra o tucano Geraldo Alckmin e outros nomes, Lula novamente lidera e repete os 30%. Quando o atual prefeito de São Paulo, João Doria, é o candidato do PSDB, o ex-presidente da República chega ao ápice, com 31% dos votos. Isso significaria 44,6 milhões de pessoas votando no petista.

No último cenário, em que aparecem os nomes dos três tucanos, Lula tem seu pior desempenho, com 29%, totalizando 41,7 milhões de votos.

Publicidade

O desempenho do ex-presidente da República é surpreendente.

Réu

Lula é réu em cinco processos, três delas da Lava Jato, cujo julgamento é realizado pelo juiz federal Sérgio Moro. Caso seja condenado em um desses casos, Lula ainda não ficaria inelegível.

A inelegibilidade só acontece quando o político é condenado em segunda instância. Há quem diga que é isso o que irá acontecer com Lula. Outros dizem que, mesmo condenado em primeira instância, não haverá tempo hábil para que ele seja impedido de concorrer à Presidência da República por causa da Lei Ficha Limpa.

De qualquer forma, Lula segue crescendo. Na pesquisa DataFolha de dezembro de 2015, ele tinha apenas 20% e estava atrás de Aécio Neves. Em 15 meses, Lula ganhou 15 milhões de votos, enquanto Aécio caiu de 26% para 8% dos votos. #Eleições 2018