O #Datafolha divulgou neste domingo (30) mais uma de suas pesquisas para a disputa presidencial de 2018. Entre os diversos cenários pesquisados, o deputado federal Jair Bolsonaro (PSC-RJ) novamente aparece como um dos destaques, apresentando crescimento surreal em relação a pesquisas anteriores.

A pesquisa realizada pelo Datafolha ouviu 2.781 pessoas em 172 cidades brasileiras na quarta (26) e quinta-feira (27). A margem de erro do levantamento é de dois pontos percentuais para mais ou para menos. O grau de confiança é de 95%.

Cenário 1

No cenário em que Aécio Neves é o candidato do PSDB na disputa presidencial, Jair #bolsonaro se destaca pelo crescimento que apresentou nos últimos 15 meses.

Publicidade
Publicidade

Em dezembro de 2015, quando o Datafolha fez levantamento e testou o mesmo cenário, o deputado federal tinha apenas 4% das intenções de votos e aparecia na quinta posição entre os seis candidatos.

Na pesquisa divulgada neste domingo, o parlamentar saltou de 4% para 15%, crescimento incrível de 275%. Com a ascensão, Bolsonaro chegou à segunda posição no cenário, atrás apenas do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), que tem 30% das intenções de votos. Em dezembro de 2015, o petista tinha 20%. Portanto, seu crescimento foi de 50%.

Este cenário é completado com Marina Silva (Rede), que tem 14% dos votos, contra 8% de Aécio Neves. Ciro Gomes (PDT) teria 5% dos votos, enquanto o atual presidente Michel Temer (PMDB) somaria apenas 2%.

Cenário 2

Quando Geraldo Alckmin é apresentado como candidato tucano, #Jair Bolsonaro também cresceu.

Publicidade

Em dezembro de 2015 ele tinha 5% dos votos e agora aparece com 14%.

O crescimento é menor do o que o do cenário anterior, mas mesmo assim impressiona: 180%. Os 14% deixam Bolsonaro atrás de Lula, que tem 30%, e de Marina Silva, que soma 16% das intenções de votos.

A ex-senadora caiu 33% em relação ao levantamento feito em dezembro de 2015. Já o ex-presidente cresceu 36% nestes 15 meses. O cenário é completado com Alckmin e Ciro, que empatam com 6%, enquanto Michel Temer amarga a última posição, com apenas 2%.

Cenário 3

Pela primeira vez o Datafolha testou João Doria como o candidato do PSDB à Presidência da República. Lula lidera o cenário, com 31%, enquanto Marina Silva tem 16% e é seguida por Bolsonaro, que soma 13%.

O prefeito da cidade de São Paulo é apenas o quarto colocado, com 9%. Ciro Gomes tem 6% e Michel Temer e Luciano Genro (PSOL) aparecem com 2% cada um.

Ronaldo Caiado (DEM) e Eduardo Jorge (PV) completam o levantamento e teriam apenas 1% cada.