A jornalista #Joice Hasselmann fez um comentário de quase dois minutos sobre o pré-candidato à Presidência da República Jair #bolsonaro, deputado federal (PSC-RJ), no programa Morning Show, transmitido pela Rádio Jovem Pan na última sexta-feira (24). “Bolsonaro é uma figura que é muito diferente do que aparece na imprensa. Ele é assim, até brinco com as pessoas, um bobalhão, ele é doce, bom de conversa. Diferente desses pedacinhos de rompantes que muitas vezes aparecem na imprensa”, explicou Joice, que estreou recentemente na emissora paulista.

Na continuação do comentário, a jornalista detonou o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que governou o Brasil entre 2003 e 2010 e hoje é réu em cinco processos – três deles da Operação Lava Jato.

Publicidade
Publicidade

“Se ele [Bolsonaro] está preparado para governar o Brasil, aí são outros quinhentos. A gente tem que conversar, vamos ver. Está preparado? O Lula estava preparado? Não, não estava, só para roubar e roubou. É bom de serviço. Até hoje a gente paga a conta”, criticou a jornalista.

Segundo ela, é necessário ter alternativas para as eleições presidenciais de 2018. “A gente precisa de alternativas, de pessoas que possam expor ideias liberais e conservadoras. O Bolsonaro expõe as ideias conservadoras. A gente tem que dar alternativas para o povo e povo tem que decidir, pronto e acabou”, comentou Joice.

Para ela, as alternativas têm que vir com informação. “Quem é quem? Quem fez o que? Qual é o patrimônio de quem? Condiz com o que essa pessoa ganha? Condiz com a vida dela? A gente tem que vasculhar do avesso cada um deles, inclusive o Jair Bolsonaro”, explicou.

Publicidade

Honesto

Em um meio político cada vez mais contaminado e com pouca credibilidade junto à opinião pública, Jair Bolsonaro terá como forte argumento a seu favor o quesito honestidade. Sem citações em escândalos de corrupção, o deputado federal que atua desde 1991, tem um grande trunfo.

“Eu não conheço nada que tenha a ver com Bolsonaro diretamente, envolvendo, por exemplo, essas questões de JBS e Odebrecht”, comentou Joice. Maior adversário de Bolsonaro, Lula está enrolado com a Justiça e pode ser condenado a qualquer momento no caso do tríplex do Guarujá, no litoral de São Paulo.

“Mas isso é suficiente para comandar a Presidência da República? Primeiro, que você não comanda o Brasil sozinho, você tem que fazer uma equipe. Então tem que esperar para ver”, prosseguiu Joice.

Bolsonaro aparece na segunda posição nas pesquisas de intenção de votos divulgadas nos últimos meses. Veja o vídeo da opinião da jornalista.

#Eleições 2018