Além da avaliação do governo de Michel Temer, o instituto de pesquisa Datafolha agora também está avaliando o nível de orgulho da população brasileira. Segundo matéria publicada pela Folha de S. Paulo, 47% dos brasileiros têm vergonha de terem nascido no País. Esse é o maior índice já registrado pelo instituto desde 2000.

Assim como a rejeição de Michel Temer cresce, a vergonha de ser brasileiro por parte da população também aumenta. Em dezembro de 2016, 28% dos brasileiros tinham vergonha de sua naturalidade. Em abril, a taxa cresceu para 34%, atingindo os 47% agora em junho.

O Datafolha também questionou os entrevistados sobre qual seria o pior problema do Brasil.

Publicidade
Publicidade

De forma espontânea, 23% disseram que era a corrupção. Saúde veio logo em seguida, com 22%. Para fechar o pódio, o desemprego foi citado por 17% dos entrevistados.

Nesse um ano de Michel Temer à frente do Executivo, as avaliações sobre o País e governo só pioram, chegando a números alarmantes em ambos os casos. O resto de força no Congresso é o que mantém o peemedebista no cargo.

A pesquisa ouviu 2.771 brasileiros, durante os dias 21 e 23 de junho, em 194 municípios. O Datafolha aponta margem de erro de dois pontos percentuais. #Dentro da política