Um vídeo tem tido uma grande repercussão na internet. Um rapaz, afirmando ser advogado, gravou uma discussão dele com um petista que gritava num microfone "Volta #Dilma", na avenida Paulista. O petista estava acompanhando de mais algumas pessoas e criticava o presidente Michel Temer, falava mal do senador Aécio Neves, mas exaltava os ex-presidentes Luiz Inácio Lula da Silva e Dilma Rousseff.

Diante disso, o cidadão ficou revoltado e começou a enfrentá-los criticando as palavras ditas pelo petista. Gravando com o celular, o cidadão quis saber por que que eles falavam mal de Temer, sendo que foram eles que elegeram o peemedebista.

Publicidade
Publicidade

"Se Temer é bandido porque vocês votaram nele?", perguntou o rapaz. O petista, com o microfone nas mãos, mudava de assunto e partia para outros temas.

O advogado revoltou o grupo de esquerda ao dizer que Dilma logo estará na prisão por determinação do juiz federal Sérgio Moro [VIDEO]. Ele lembrou das pedaladas fiscais da Dilma e falou do triplex do Lula.

O petista continuava a buscar argumentos para enfrentar o rapaz, mas era rebatido em todas as ocasiões. A discussão foi juntando pessoas ao redor deles e o clima foi esquentando.

Veja o vídeo:

Mais discussão

De acordo com o cidadão revoltado, o Senado entendeu que a Dilma cometeu crime e ninguém deve contestar isso. O petista respondeu que a ex-presidente foi vítima de uma armação. Nesse momento, já com a voz rouca, o rapaz gritou com todas as suas forças e disse que vítimas são os milhares de desempregados que o governo petista deixou no país.

Publicidade

Vítima é o povo da Venezuela que sofre o descaso de um regime ditador apoiado pelo #PT. Vítima é o desempregado e as crianças que são afetadas pela ideologia de gênero defendido pela esquerda, ressalta o cidadão.

Golpe

O militante de esquerda resolveu citar a palavra golpe e foi "detonado" pelo rapaz, que disse que golpe foi o PT enganar a população para vencer as eleições. "A Dilma nunca vai voltar. Ela vai para a cadeia", gritou.

O rapaz chamou a presidente cassada de "bandida" e falou que mesmo votando no Aécio Neves, ele deseja que o senador vá também para a cadeia pelos possíveis atos de corrupção. "Eu defendo o Brasil", disse o rapaz.

O advogado falou que para salvar o país é necessário votar no deputado federal Jair Bolsonaro [VIDEO]. Depois ele começou a gritar "Fora PT. Vocês deveriam ter vergonha de vir aqui na Paulista defender uma bandida", disse o cidadão.

O vídeo foi compartilhado por várias pessoas nas redes sociais. #Revolta