A guerra entre a Rede Globo [VIDEO]e a RecordTV começou não é de hoje. Desde que o canal carioca exibiu uma reportagem que insinuava que o bispo Edir Macedo ensinava os seus pastores a conseguir mais dinheiro, as duas emissoras não têm uma relação amigável.

Além disso, hoje a audiência é ainda mais disputada e muitos artistas que foram da Globo agora estão na Record. Uma nova batalha dessa guerra deve acontecer na noite deste domingo (16), no ‘’Domingo Espetacular’’, da Record.

O jornalístico apresentado por Paulo Henrique Amorim promete desvendar os maiores podres do canal da família Marinho. Em chamadas exibidas no ar, a Record insinua que a próxima a entrar na Operação Lava Jato será a Globo, que é o maior grupo de comunicação do país na atualidade.

Publicidade
Publicidade

Record faz reportagem secreta que envolve suposta delação de Antonio Palocci

Quem teria informações nefastas que poderiam comprometer a #TV Globo seria Antonio Palocci, o ex-ministro do governo Lula. Algumas informações sobre um anexo, que já foi tirado e recolocado na delação, chegaram a ganhar atenção da revista Veja.

Na chamada da RecordTV, Paulo Henrique Amorim diz que a delação de Palocci seria capaz de colocar a Globo nas mãos do juiz federal Sérgio Moro, fazendo a empresa virar alvo da Lava Jato por suposto uso de dinheiro público de maneira ilícita. A chamada fala em sonegação de impostos, o que as organizações Globo já negaram algumas vezes.

Record garante ter provas de que Globo estaria metida em escândalo de corrupção

A emissora de Edir Macedo diz que o maior grupo de comunicação do país estaria metido nos escândalos de corrupção que o grande público conhece e diz que dará detalhes como a Globo faria acordos com políticos polêmicos, muitos deles hoje presos pelo juiz federal Sérgio Moro.

Publicidade

Curiosamente, a reportagem bombástica vem na mesma semana que o mesmo juiz condenou o ex-presidente da república Luiz Inácio Lula da Silva a 9 anos e 6 meses de cadeia por corrupção passiva. Lula ainda pode recorrer à decisão e o processo deve ser feito em completa liberdade.

Palocci estaria negociando redução de pena em delação bombástica com Sérgio Moro

A Record ainda revela que Palocci está negociando com o juiz federal Sérgio Moro para ter uma redução em sua pena. Além de dizer o que saberia, o ex-ministro do governo Lula ainda precisa provar tudo.

Apenas após isso é que a pena dele pode ou não ser reduzida. Assista abaixo ao vídeo da chamada da Record sobre a participação do Grupo Globo em supostos casos ilícitos:

#Record TV #BrigaPelaAudiencia