Não bastasse a grave crise política e econômica que tem assolado o país nos últimos tempos e que parece não encontrar uma "luz ao fim do túnel", um novo problema tem causado enorme preocupação a muitos brasileiros, principalmente em se tratando de uma notícia que foi propagada recentemente, através das redes sociais, justamente em um momento considerado extremamente "crítico" da situação econômica da população do país.

O #Governo atravessa uma fase completamente "complicada", a partir da denúncia que está em curso, relacionada à prática de crime de corrupção passiva envolvendo diretamente o presidente da República [VIDEO] #Michel Temer e cuja autorização deverá ser votada no Plenário da Câmara dos Deputados que, se aprovada, poderá autorizar ao Supremo Tribunal Federal (STF) [VIDEO], a investigação contra o mandatário do país, podem acarretar até mesmo, o afastamento do cargo de presidente.

Publicidade
Publicidade

Divulgação em redes sociais

Somando-se à crise política, existe a possibilidade de que se concretize um aumento substancial de impostos, principalmente no setor de combustíveis. Porém, há um novo componente vem à tona; a notícia que foi alardeada intensamente nas redes sociais, especialmente no WhatsApp, que trata de um suposto "bloqueio" de dinheiro de pessoas que possuem contas bancárias juntamente à Caixa Econômica Federal. Entretanto, vale alertar que tudo não teria passado de "fake news", ou seja, uma notícia de conteúdo inteiramente falso.

Segundo a mensagem que foi propagada pelo aplicativo de celular, o presidente Michel Temer iria bloquear todas as contas bancárias de usuários da Caixa Econômica Federal, antes que ele acabe deixando o comando do país. A divulgação do conteúdo falso vem sendo propagado desde a semana passada.

Publicidade

Verificou-se que o texto divulgado através do aplicativo do WhatsApp, partiu do blog Whats.cf, que é considerado especialista em criar boatos em um dos mais populares aplicativos de celular em todo o mundo. Ainda de acordo com a mensagem falsificada, o bloqueio dos recursos financeiros que se encontram em poupanças da Caixa Econômica Federal, teria início durante o mês de agosto deste ano. Vale lembrar que tudo não passa de uma grande mentira.

Um outro fator que pode ter causado uma grande apreensão aos brasileiros, em se tratando dessa notícia inverídica, é que há vários anos, durante o governo do ex-presidente da República, Fernando Collor de Melo, um confisco de contas de poupança, acarretou uma grave crise no país, culminando no impeachment do ex-mandatário do país. #Crise econômica