Com esta condenação em primeira instância, o ex-presidente Luíz Inácio #Lula da Silva, ainda não ficará impedido de concorrer às eleições de 2018, mas sua situação é dramática.

Isto devido ao fato de que a Lei da Ficha Limpa determina que alguém só fica impedido de se candidatar caso seja condenado por uma decisão colegiada, ou seja, por mais de um julgador. Neste caso, Lula foge da regra já que foi condenado em primeira instância apenas pelo juiz Sérgio Moro, o que ainda não o torna impedido de concorrer nas próximas eleições.

Sendo assim, apenas se o ex-presidente Lula for condenado pelo grupo de desembargadores do Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4), é que ficará inelegível, e isso ainda depende de quando essa decisão será tomada, pois caso venha a ser julgado e condenado antes do prazo de registro da candidatura, ele fica impedido de concorrer, mas se for julgado depois, ele poderá se candidatar e concorrer normalmente.

Publicidade
Publicidade

Porém, o juiz Sérgio Moro [VIDEO] determinou uma interdição ao ex-presidente Lula, que é bem mais severa do que aquela estabelecida na Lei da Ficha Limpa. O magistrado estabeleceu em sua sentença que Luiz Inácio Lula da Silva, sofra a punição impeditiva para o exercício de cargo ou função pública ou de diretor, membro de conselho ou de gerência das pessoas jurídicas pelo dobro do tempo da pena privativa de liberdade que lhe foi imposta. Como argumento, o juiz Moro citou na sentença o que estabelecem os artigos 7º, II, e 9º, referente à Lei de Lavagem de Dinheiro.

Esta lei prevê que as pessoas que forem condenadas pelo crime de lavagem de dinheiro ficam proibidas de exercer qualquer cargo da administração pública, incluindo neste roll os cargos eletivos. Com essa pena específica aplicada ao ex-presidente pelo magistrado, acaba por tornar a situação de Lula bem mais dramática do que se fosse apenas enquadrado na da Ficha Limpa.

Publicidade

Porém, sua aplicação só pode ocorrer quando não existir mais possibilidade de recursos, ou seja, só terá efeito quando o processo já estiver transitado em julgado.

Apoiadores, correligionários, familiares e amigos de Lula, se manifestaram de diversas formas no decorrer do dia, afirmando que a condenação do ex-presidente foi um ataque à honra de todos os brasileiros e que não passa de perseguição politica a um homem honesto, íntegro, justo e bom, que tirou milhares de brasileiros da linha de miséria. Por outro lado, os críticos do ex-presidente comentavam que a pena aplicada a ele foi muito branda. #Lava Jato #Sergio Moro