Publicidade
Publicidade

Prestes a enfrentar a votação da segunda denúncia contra o presidente Michel Temer (PMDB) na #Câmara dos Deputados, a base aliada do governo mostra extrema confiança em uma nova vitória do presidente.

Vice-líder do governo na casa, o deputado Beto Mansur (PRB-SP) afirmou em entrevista à Agência Brasil que o governo contabiliza entre 260 e 270 votos. Para barrar a #denúncia, Temer precisa de 172, número que representa mais de um terço dos 513 deputados que compõe a Câmara. A votação está programada para ser realizada nesta quarta-feira, dia 25.

Segundo o cenário previsto pelo deputado, a vitória de Temer deve ser confortável e enterrar de uma vez por todas as chances do início de um processo de impeachment contra o impopular presidente, que hoje tem apenas 3% de aprovação dos brasileiros, segundo pesquisas.

Publicidade

Para Mansur, uma vitória expressiva a favor do arquivamento da denúncia pode ajudar Temer ainda mais, pois mostraria o poder do governo no Congresso, permitindo com que futuras votações - como as da reforma tributária e reforma da Previdência - também sejam ganhas com certa margem de conforto.

Com a iminente derrota em vista, a oposição espera que a votação sirva ao menos para fazer o governo de Temer “sangrar” ainda mais. Para que a denúncia seja aceita e prossiga ao Supremo Tribunal Federal (STF), que então iniciaria uma nova investigação contra o presidente, são necessários ao menos 342 votos. #Michel Temer