Publicidade
Publicidade

Líder nas pesquisas de intenção de voto para a presidência da República em 2018, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) [VIDEO], iniciou nesta segunda-feira, dia 23, uma caravana no estado de Minas Gerais. Programada para passar por 12 municípios, a viagem do cacique petista começou na cidade de Ipatinga, onde #Lula discursou para uma multidão de eleitores e aliados partidários.

"Nós provamos que o pobre não era o problema. O pobre passou a ser a solução quando a gente incluiu ele na economia desse país”, disse o ex-presidente em seu discurso.

Em clima de pré-campanha para a corrida eleitoral do ano que vem, Lula também tem usado as viagens e comícios com a militância petista como uma forma de se defender dos processos em que é réu, acusado de envolvimento em esquemas de corrupção [VIDEO].

Publicidade

O ex-presidente chegou a ser condenado em primeira instância pelo juiz Sérgio Moro no chamado “caso do triplex”, e agora aguarda por decisão em segunda instância que pode definir a validade ou impugnação de sua candidatura.

Nesta terça-feira, dia 24, a caravana de Lula irá percorrer as regiões dos vales do Rio Doce e Mucuri, em visitas que incluirão cidades como Governador Valadares e Teófilo Otoni, entre outras. A intenção é visitar tradicionais redutos petistas no estado, reaproximando Lula de seu eleitorado.

A caravana de Lula por Minas Gerais está prevista para acabar no dia 30 deste mês. Esta é a segunda caravana que o ex-presidente realiza neste ano. Antes, em agosto e parte de setembro, Lula passou por todos os estados do Nordeste durante 21 dias. Segundo informações do jornal Folha de S.

Publicidade

Paulo, o ex-presidente também deve realizar uma caravana pela Rio Grande do Sul ainda em 2017. #Eleições 2018 #PT