O socorro de #Animais em Porto Alegre deve ficar mais fácil e eficiente, para a população de baixa renda. Isso se dá por que os vereadores do município aprovaram na última quarta-feira (4) na Câmara Municipal de Porto Alegre a criação de um 'Samu veterinário'. De autoria do vereador Marcelo Sgarbossa (PT), o projeto foi criado para dar condições aos animais da população de baixa renda de serem atendidos em caso de emergência.

De acordo com o vereador, a intenção inicial é seguir a mesma linha de atendimento do que já ocorre em Florianópolis – SC, com o Serviço de Emergência Veterinária (Samuvet). Nessa cidade, são atendidos cavalos, #Cães e gatos que tenham sofrido acidente.

Publicidade
Publicidade

Ele também informou que Recife e São Paulo também possuem projetos semelhantes em andamento, para o atendimento emergencial de animais.

O intuito desse projeto também é dar suporte aos animais que sofrem agressões que são frequentemente denunciadas por entidades de proteção aos animais. Dentre elas, esfaqueamento, envenenamento e atropelamento. Na maioria das vezes, eles ficam sem atendimento e a intenção do projeto de lei é mudar essa realizada.

O Samu veterinário de Florianópolis – SC

Um projeto semelhante já está em prática na cidade de Florianópolis desde agosto do ano de 2014. Para isso, nessa fase de teste, há dois médicos veterinários contratados que revezam no atendimento 24 horas. Há também um motorista que fica à disposição para atender a qualquer chamado.

Quem aciona o atendimento é Polícia Militar, a Guarda Municipal ou Corpo de Bombeiros.

Publicidade

Isso é feito quando animais são encontrados como vítimas de atropelamento, farra do boi, ou algum ferimento grave de animais de rua que precisam de socorro imediato.

É o primeiro Samu Veterinário público do país e a maioria das ocorrências atendidas são durante a noite. Em outras cidades há projetos públicos de atendimento, mas não com um veículo. A cidade de São Paulo, por exemplo, já conta com dois Hospitais Veterinários para atendimento de animais da população de baixa renda.