De segunda a sexta, as ruas do centro do Rio de Janeiro ficam cheias de profissionais e trabalhadores que, apressados, correm atrás de seu ganha pão. Nos finais de semana, muda a população nessa região, que busca diversão, cultura e arte.

Criado em 1989, o Centro Cultural do Banco do Brasil foi um marco na ocupação cultural do centro do Rio de Janeiro. Sua oferta de cinema, #Música, teatro e artes plásticas a preços convidativos ou mesmo grátis, vem atraindo amantes da arte e curiosos, que aproveitam para conhecer outras culturas. Atualmente, a principal exposição aberta é sobre a obra do pintor russo Wassily Kandinsky, em exibição até o final de março.

Publicidade
Publicidade

O CCBB abre de quarta a segunda, das 9h às 21h.

Para os fãs de música, o centro apresenta rodas de samba em restaurantes, ou mesmo em esquinas. Uma das mais famosas é o Samba da Ouvidor, realizada em uma praça ao lado da antiga Bolsa de Valores do Rio de Janeiro. Sambistas de todas as idades e regiões se encontram lá para cantar clássicos. A roda costuma ser quinzenal, mas é importante checar sempre no site para se certificar. Até o Carnaval, serão realizadas rodas nos dias 31/01 e 07/02, sempre a partir das 17h30, na esquina da Rua do Ouvidor com Rua do Mercado.

E para fechar esse dia com chave de ouro, siga caminhando pela região conhecida como Arco do Telles, próximo à Praça XV de Novembro. Uma variedade de bares e restaurantes os esperam para degustar a culinária local, de arquitetura colonial.

Publicidade

Na praça, ainda podemos visitar o Paço Imperial, imponente prédio do Brasil Colônia, onde importantes momentos da política brasileira se desenrolaram, como o Dia do Fico e a assinatura da Lei Áurea. Dentro do prédio encontra-se um café, um restaurante, mostras de Artes Plásticas, além de peças de uso da Família Imperial quando aqui viveu, como carruagens e tapeçaria. Outro ponto interessante da construção é a área onde se pode ver as fundações, uma verdadeira escavação arqueológica.

Venha descobrir os encantos do centro do Rio de Janeiro! #Entretenimento #Rio Cultura