Nem tudo é alegria no Rio de Janeiro. Infelizmente, nesta sexta-feira, 18, um homem acabou falecendo após ser soterrado por um aglomerado de areia. De acordo com informações da Folha de São Paulo, o homem chama-se Antonio Carlos e tinha apenas 29 anos de idade. A vítima era pernambucana e responsável por duas crianças, seus filhos. Antonio era encarregado das obras para colocar uma tubulação de água da Cedae, companhia de abastecimento da cidade maravilhosa. 

No local do acidente, milhares de pessoas passavam sem nem ter ideia de que perto dali tinha um homem morto. Isso porque um tapume separava os operários da obra dos fãs que iriam mais tarde curtir os shows do Rock in Rio.

Publicidade
Publicidade

O corpo só foi retirado do local no início da noite. O operário foi soterrado no fim da manhã e ainda tentou pedir o socorro de alguns colegas, que não puderam fazer nada por ele. 

Ao lado do corpo do operário, ambulantes vendiam refrigerantes e bebidas alcoólicas. As cervejas custavam R$ 7. A atual mulher do operário morto está grávida. A família decidiu dar remédios para ela antes de contar a trágica notícia. No local, quem apareceu foi a ex-esposa de Antonio Carlos, Manoela Barbosa, de 31 anos. Muito nervosa, ela gritou no local, dizendo que os responsáveis pela obra não ligavam pelo falecimento já que Antonio era apenas mais um dos muitos operários do empreendimento. 

De acordo com um outro operário, Antonio tinha ido ao local para ver a quantas andava a obra. Foi neste momento que um monte de areia caiu sobre ele.

Publicidade

O colega de #Trabalho do encarregado geral da tubulação ainda disse que o clima foi de pânico durante o sofrimento do colega, que ainda tentou sair da areia, mas não conseguiu. 

Segundo o profissional, outros acidentes já aconteceram na obra, mas até agora a Ypê Engenharia, contratada pela Cedae, não teria tomado previdência para evitar o pior, que dessa vez acabou em um óbito. O funcionário ainda revelou que até um engenheiro chegou a quebrar a perna em um dos dias de trabalho. A Ypê Engenharia disse que irá prestar assistência à família.  #Crime