Que tal trocar lixo reciclável por bilhetes de passagens? Essa experiência já pode ser aproveitada por milhares de passageiros que circulam diariamente pelo Terminal Alvorada, na Barra da Tijuca, Zona Oeste da Cidade do Rio de Janeiro.

A máquina intitulada “Mobilidade Reciclada” chamou a atenção de quem passava pelo local, principalmente por se tratar de algo pioneiro na cidade, está sendo a primeira experiência nesse sentido e começou a operar no dia 19 de outubro.

Funciona da seguinte forma: os interessados precisam depositar pelo menos cinco embalagens de lixo reciclável, e, em troca, é emitido um cartão RioCard, usado nos transportes públicos do Rio, valendo tanto para os ônibus convencionais, quanto para o BRT.

Publicidade
Publicidade

E os idealizadores parecem estar muito contentes com os resultados, afinal, essa foi uma das ideias selecionadas entre as mais de mil propostas recebidas no período de 2013 e 2014 para o projeto Rio+, uma plataforma colaborativa que tem como principal objetivo apresentar ações sustentáveis para a cidade.

Durante alguns meses, as pessoas puderam votar em projetos que consideravam importantes para a cidade, sendo que cada um desses projetos foi analisado se eram realmente viáveis. Comprovada essa ressalva, eles seguiram para votação popular.

Aos poucos, os cidadãos irão se deparar com os selecionados, como o 'Aproveitário', que tem como objetivo compartilhar objetos que já não são usados pelas pessoas, para que outras possam utilizá-los. Ele tem o mesmo princípio da Mobilidade Reciclada. Sendo que essas ideias vencedoras são financiadas através da Benfeitoria coletiva.

Publicidade

E para aproveitar essas vantagens, além do lixo reciclável, é necessário fazer um breve cadastro inserindo os dados do CPF na máquina, para em seguida depositar o material, que pode ser desde embalagens simples, até garrafas pets e latas de alumínio. A lista com todos os materiais que são aceitos pela máquina está exposta para os interessados.

Além disso, um profissional fica à disposição para tirar as dúvidas de quem pretende usar a novidade. Uma ótima maneira de economizar e ajudar o meio ambiente. #Curiosidades #Sustentabilidade #Blasting News Brasil