Uma ameaça de atentado assustou a cantora Anitta nesta segunda-feira, 24. De acordo com relatos do jornalista Bruno Astuto da Revista Época, um fã tentou invadir a casa onde a funkeira mora em um bairro da Zona Oeste do Rio de Janeiro, a Barra da Tijuca. Segundo as primeiras informações, o rapaz que não teve o nome identificado teria 25 anos de idade. O fã teria saído do sul do Brasil para o Rio de Janeiro apenas para conhecer a famosa. Ele teria planejado uma entrada triunfal no condomínio. De acordo com a assessoria de Anitta, o fã conseguiu driblar a segurança, chegando até à casa da morena.

Ele teria alugado um carro de luxo para a empreitada.

Publicidade
Publicidade

Anitta está morando há pouco tempo no local. Além de Anitta, outras personalidades vivem no local, como Marina Ruy Barbosa e o jogador Adriano. Como o fã chegou de carro de luxo, os seguranças não suspeitaram de que ele não fosse um morador do local. A mansão da funkeira, dona do hit 'Show das Poderosas', segundo a mídia especializada em celebridades, teria custado R$ 12 milhões. 

O fã tocou a campainha e quem abriu a porta foi a mãe de Anitta. De acordo com moradores do local, não houve qualquer violência no episódio, a não ser o fato do rapaz ter xingado e dito palavras desconexas contra a famosa. Ela garantiu que está bem e que o fã não estava armado durante o episódio. No entanto, a celebridade desabafou: "fiquei assustado".

Seguranças do condomínio foram chamados e obrigaram o rapaz a sair do local.

Publicidade

Ele não teria oferecido qualquer tipo de resistência. Após a empreitada, ele foi levado para a delegacia. Anitta também decidiu prestar um boletim de ocorrência contra o atentado. O episódio aconteceu apenas dois dias depois da apresentadora Ana Hickmann, da TV Record, sofrer um atentado de um fã. Rodrigo Augusto de Pádua, de 30 anos, invadiu um hotel de luxo de Minas Gerais para tentar matar a famosa. Ele acabou sendo morto pelo cunhado da apresentadora. Uma assessora de Ana levou dois tiros e continua internada em um hospital de Belo Horizonte.  #Crime #É Manchete!