O Comitê Olímpico firmou uma parceria com a ONG Proteção Animal Ambiental para que os #Gatos abandonados na cidade olímpica e região sejam abrigados em segurança. Um representante da ONG afirmou que todos estão orgulhosos da iniciativa de proteger os bichanos nesses dias de grande fluxo de pessoas no local.

Treinamento e colaboração da Rio-2016

A parceria não se resume em apenas dar abrigo para os #Animais, mas também em treinar os funcionários da Vila Olímpica para que saibam lidar com os animais, afinal muitos deles se assustam e ficam ariscos no momento do resgate, sendo confundidos com animais bravos, quando só estão com medo.

Publicidade
Publicidade

Também foi confirmada a construção de um gatil com comida e cuidados veterinários para os animais, garantindo a permanência dos mesmos durante todo o período dos jogos, inclusive dias antes da competição começar.

O objetivo da parceria não para por aí: a ONG e a Rio-2016 buscarão novos lares para os gatos abandonados, permitindo que eles tenham uma chance de um futuro melhor após a competição e não tenham que voltar a viver nas ruas. O site da ONG deve atualizar os interessados em adotar os animais sobre a quantidade e perfil dos bichanos. Ainda não se sabe se haverá algum evento para doá-los.

Respeito à legislação brasileira

O objetivo principal da organização das Olimpíadas com essa iniciativa é proteger todos os animais da região, sejam eles domésticos ou selvagens, a fim de respeitar o direito ambiental nacional e leis complementares que versam sobre o assunto.

Publicidade

Dessa forma, a competição acontece sem agredir o espaço ou a integridade dos animais que fizeram daquele lugar, o seu lar.

Protetores dos animais da região comemoraram a iniciativa e consideraram que a parceria no resgate de gatos abandonados é um sonho realizado. Os animais devem começar a serem abrigados desde já. Os Jogos Olímpicos começam oficialmente na sexta-feira, 5, quando ocorrerá a cerimônia de abertura, mas na quarta-feira, 3, já acontecerá a primeira partida de futebol em São Paulo. #Rio2016