Um menino de 11 anos foi encontrado dentro de uma mala na Rodoviária Novo Rio, no Rio de Janeiro, na noite desta segunda-feira (01), após uma denúncia anônima feita à Polícia Militar, onde a pessoa dizia ter visto uma pequena mão saindo da mala por volta das 20:30h. Após a informação recebida, Policiais Militares do posto do Batalhão de Policiamento em Áreas Turísticas, fizeram uma busca pelo terminal rodoviário, no embarque e desembarque, procurando a pessoa com as características descritas pelo denunciante e acabaram por encontrar uma mulher, identificada como Natasha Vitorino, de 23 anos, com o menino escondido em sua mala. 

Natasha pegaria um ônibus que sairia poucos minutos depois, às 21h, e o destino era Curitiba, no Paraná.

Publicidade
Publicidade

A Polícia conseguiu impedir o embarque e a mulher foi presa, acusada de subtração de menor e encaminhada à delegacia. Segundo os Policiais, ela afirmou que visto que o menino morava na rua, ela resolveu levá-lo para criá-lo na cidade de Curitiba. 

Rodoviária Novo Rio

Devido ao grande aumento de movimento na Rodoviária Novo Rio durante as Olimpíadas que se iniciam essa semana, o policiamento foi reforçado no local e graças a isso essa mulher foi presa fugindo com um menor. Somente no período de 31 de julho a 18 de setembro, o terminal deve receber 2,4 milhões de passageiros, entre eles 250 mil estrangeiros. 

Mais de quarenta empresas de ônibus operarão 230 linhas, com chegada e saída do local, entre elas 7 internacionais. O local será usado também como ponte para os turistas conhecerem outras regiões do Rio de Janeiro, como a Região dos Lagos e a Costa Verde. 

Os dias em que se espera o maior movimento na rodoviária são aqueles que já foram decretados como feriado municipal: o dia da abertura dos Jogos Olímpicos, 5 de agosto; o dia 18 de agosto, quando vai acontecer a prova de triatlo e várias ruas e pontos da cidade deverão ser fechados; e o dia 22 de agosto, um dia após o encerramento das competições, e momento em que turistas e delegações estarão deixando a cidade.  #sequestro #Crime