Fundado no ano de 1937, o colégio Pedro II é tradicional e conhecido na cidade do #Rio de Janeiro. Nesta segunda-feira (19), seus diretores fizeram um comunicado que gerou uma grande discussão. O reitor do colégio decidiu abolir o uniforme escolar com distinção de gênero. A medida foi tomada para atender às diretrizes do Conselho Nacional de Combate à Discriminação dos Direitos de Lésbicas, Travestis, Transexuais e Gays.

Oscar Halac, reitor da escola federal, conta que a medida adquirida não determina o que é uniforme feminino ou masculino, mas deixa que o próprio estudante escolha a forma em que deseja se vestir para frequentar a escola.

Publicidade
Publicidade

Ele ainda ressalta que isso criava uma grande discussão no colégio, pois muitos adolescentes pediam que essa medida fosse tomada pelos diretores da instituição.

“Estamos procurando de alguma forma contribuir para que não exista sofrimento desnecessário entre os jovens que se colocam com uma identidade de gênero totalmente diferente. Não vamos seguir o que a sociedade determina correto, passando por cima dos sentimentos e causando algum sofrimento para nossos estudantes”, explica o reitor Halac.

A medida adquirida pelo colégio também atende às demandas dos alunos e alunas do Colégio Pedro II. Conforme o reitor, nos últimos dois anos, alguns representantes do corpo discente têm discutido diariamente sobre a suspensão de gênero nos uniformes do Código de Ética Discente.

O reitor Halac faz questão de destacar sobre a tradição de anos que a escola tem.

Publicidade

“Acredito que o colégio não deve ser desvinculado com a sua história e o seu tempo de ensino. A tradição construída por nós não pode se resumir somente em anacronia, mas pode e deve expressar a nossa grande capacidade de inovar e de evoluir”, argumenta ele.

Algumas pessoas aprovaram a decisão tomada pelo colégio, dizendo que isso faz com que não exista o preconceito entre os alunos. Outras já foram contra e decidiram não expor a sua opinião em público, apenas dizendo que não veem a necessidade da mudança repentina nos uniformes escolares dos alunos do colégio. #Educação #Comportamento