Moradores dos bairros localizados na região central do Rio de Janeiro não aguentam mais viver sob tensão por causa da guerra entre traficantes locais. E uma foto, divulgada neste domingo (2), ilustra bem os momentos de pânico que se tornaram rotina na região.

A imagem teria sido registrada na noite da última sexta-feira (30) e mostra um grupo de traficantes de uma facção nos momentos que antecedem a invasão de uma das favelas.

O terror maior tem sido sentido por moradores dos bairros do Catumbi, Rio Comprido e Santa Teresa. Estes locais têm sido palco de disputas entre facções rivais do tráfico.

Segundo a polícia, na foto estão integrantes do tráfico do Fallet e do Fogueteiro que ganharam reforço de membros do #Crime da Providência.

Publicidade
Publicidade

Juntos, eles tentaram invadir o Morro da Coroa, também localizado no centro do Rio, próximo ao Cemitério de São Francisco de Paula, no Catumbi.

A Polícia Civil informou que investiga o comércio de drogas ilícitas na região e esclareceu que a tentativa de invasão foi uma resposta a um ataque de criminosos do Morro do São Carlos, controlado pela mesma facção que detém o poder na Coroa, ao Morro do Turano, no Rio Comprido, há  cerca de duas semanas.

Vale lembrar que o Morro da Coroa conta com uma Unidade de Polícia Pacificadora (UPP) presente há, pelo menos, 5 anos na comunidade.

Ainda, segundo as autoridades policiais, os embates entre os dois grupos rivais ocorreram por toda a madrugada da última sexta-feira (30). A trégua só veio no início da tarde do dia seguinte.

A principal via de acesso à Coroa teve de ser bloqueada pela Polícia Militar.

Publicidade

Amedrontados, os motoristas que se depararem com a troca de tiros ao chegarem na comunidade eram obrigados voltar de ré pelo Elevado Paulo de Frontin, complexo viário que dá acesso ao Túnel Rebouças.

Apesar dos confrontos, a Coordenadoria de Polícia Pacificadora (CPP) garante que ninguém morreu ou foi ferido por bala perdida.

Reforço

Após policiais militares serem alvos de tiros disparados por traficantes, o policiamento passou a ser reforçado no local desde a noite de sexta-feira (30). Equipes do Batalhão de Polícia de Choque (BPChoque), 4º BPM (São Cristóvão) e de UPPs próximas foram destacados para dar o apoio na região.

A Coordenadoria de Polícia Pacificadora informou ainda que quatro pessoas foram presas. Destas, três foram detidas no Morro da Coroa, onde dois fuzis também foram apreendidos. O quatro preso é do Fogueteiro. Lá foram apreendidas mais de duas mil trouxinhas de maconha já prontas para venda e dois tabletes de maconha prensada. #Casos de polícia