Nesta segunda-feira (21), o Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro (TJ-RJ) determinou a prisão temporária de 9 pessoas, consideradas suspeitas de participarem de um confronto contra a Polícia Militar. O confronto aconteceu no último sábado (9).

Durante a operação realizada na Favela #cidade de deus, localizada na Zona Oeste do Rio de Janeiro, o helicóptero da Polícia caiu por volta das 19:30, próximo à Linha Amarela, deixando quatro PMs mortos. O major Rogério Melo Costa, de 36 anos, o capitão William de Freitas Schortcht, de 37 anos, o Subtenente Camilo Barbosa Carvalho, de 39 anos, e o terceiro sargento Rogério Felix Rainha, de 39 anos.

Publicidade
Publicidade

Possíveis causas da queda do helicóptero

As causas do acidente ainda estão sendo apuradas. As investigações estão sendo realizadas pelo Cenipa (Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos). Ainda não há confirmação do motivo da queda da aeronave.

Uma das maiores dificuldades das investigações foi a interrupção do sinal de transmissão de rádio e do sinal de transmissão de video quando o helicóptero caiu. A Perícia investiga se a aeronave sofreu uma pane ou foi atacada por criminosos da região, dominada pelo tráfico.

A seguir estão listados os nomes dos indivíduos que foram presos por suspeitas de participarem do confronto contra a Polícia Militar no Rio de Janeiro:

  • Carlos Henriques dos Santos;
  • Edvanderson Gonçalves leite;
  • Jardel Teixeira de Oliveira;
  • Leandro de Souza Santos;
  • Leonardo Martins da Silva Junior;
  • Luiz Augusto Ribeiro Vilhena;
  • Marcos Vinicius de Oliveira;
  • Wagner Andrade da Silva;
  • Weverton Rodrigo Gonçalves de França.

De acordo com a justiça, eles são acusados de associação ao crime de tráfico de drogas.

Publicidade

Segundo a juíza Angélica dos Santos Costas, os locais de busca foram determinados a partir de informações obtidas pelo serviço de inteligência.

Ainda de acordo com a juíza, depoimentos de policiais militares e informações passadas ao Disque Denúncia dão conta de que os nove presos integram a facção criminosa denominada de #Comando Vermelho, que comanda o tráfico na região da Cidade de Deus. #queda helicóptero