Uma operação policial no município de Mesquita, na Baixada Fluminense, teve confronto e prisões na manhã desta segunda-feira (05). Os agentes do 20º BPM estavam em uma localidade conhecida como Boca da Raiz quando foram recebidos a tiros. O grupo de cinco pessoas chegou a fugir, mas foi encontrado em uma casa, sendo detido pela polícia. Os agentes apreenderam uma pistola calibre 40 mm, uma pistola calibre 9 mm e drogas a serem contabilizadas. O caso foi encaminhado para a 52ª DP (Nova Iguaçu).

Três fuzis são apreendidos em Caxias

Na madrugada desta segunda-feira, policiais militares do 15º BPM (Duque de Caxias) se deslocaram à comunidade do Lixão, em Duque de Caxias, na Baixada Fluminense.

Publicidade
Publicidade

Eles foram verificar um possível deslocamento de criminosos por causa das constantes operações no local. Segundo a PM, dois suspeitos em uma moto atiraram contra os agentes. Houve confronto e os suspeitos deixaram cair uma bolsa com dois fuzis durante a fuga. As armas são do modelo AK 47. A ocorrência foi registrada na 59ª DP.

Bope realiza operação em Belford Roxo

Em Belford Roxo, na Baixada Fluminense, policiais militares do Bope fizeram operação em uma localidade conhecida como Palmeirinha. Segundo a PM, um homem evadido do sistema prisional foi preso. Com o detido os policiais apreenderam uma pistola e um rádio portátil. A ocorrência foi encaminhada para a 54ª DP.

Dois homens são presos com dólares falsos

Policiais civis da 21ª DP (Bonsucesso), em parceria com policiais da 36ª DP (Santa Cruz), prenderam, no último domingo, dois homens que estavam com nove mil dólares falsos.

Publicidade

Alenir de Paula Costa e Julio dos Santos foram presos no interior de um shopping em São Gonçalo, na Região Metropolitana do #Rio de Janeiro. Segundo investigações, os dois são apontados como integrantes de uma quadrilha criminosa que atua em São Paulo. Além do dinheiro falso, os agentes encontraram uma carteira falsa de juiz arbitral em nome de Julio, além de anotações de contas bancárias com as respectivas senhas. O caso será encaminhado à Justiça Federal e à Polícia Federal. #Crime #Casos de polícia