Um homem espancou barbaramente um idoso de 69 anos dentro de sua propriedade rural, na cidade de Quijingue, a aproximadamente de 300 quilômetros de Salvador, na Bahia. Segundo informações passadas pela Polícia Civil, o dono do sítio Riacho dos Postes confessou o #Crime horas depois de praticá-lo, no último domingo (9). Agentes foram até sua casa e o levaram preso em flagrante para a delegacia de Euclides da Cunha.

Lá, ele contou que agrediu a vítima com socos e pontapés. Assumiu que resolveu dar-lhe uma lição quando o viu mantendo relações sexuais com uma mula da propriedade. E disse ainda que esta não é a primeira vez que o idoso entra no local sem permissão.

Publicidade
Publicidade

Porém, a versão não pode ser confirmada ainda pelas autoridades policiais.

O sítio onde tudo aconteceu fica no povoado Lagoa da Ema, distante 14 quilômetros do centro da cidade de Quijingue. O filho do idoso, ao tomar conhecimento da situação deplorável do pai, procurou a 4.ª Companhia do 5.º Batalhão de Polícia Militar para dar queixa e tentar entender o que aconteceu.

A vítima, que teve a identidade mantida em sigilo, foi internada com ferimentos graves no Hospital Municipal de Quijingue. O hospital tem poucos recursos e seu estado de saúde é complicado, exigindo um tratamento mais complexo. Por isso, o paciente aguarda vaga de internação para ser transferido a algum hospital de Feira de Santana, cidade localizada a 100 quilômetros da capital.

Segundo a Polícia, os médicos que fizeram os primeiros atendimentos emergenciais suspeitam que o idoso possa ter fraturado a costela e o braço.

Publicidade

Ele está repleto de escoriações e hematomas pelo corpo e não consegue ficar em pé. Os investigadores vão ouvir a vítima e mais algumas testemunhas para concluir o inquérito policial.

Embora o fato tenha ocorrido em Quijingue, o caso foi registrado na delegacia da cidade vizinha, Euclides da Cunha. É neste município que funciona o plantão da Polícia Civil, para onde vão as ocorrências policiais nos finais de semana. O relatório será encaminhado para as equipes de Quijingue finalizarem os trabalhos. #Casos de polícia