Na manhã do último domingo, 15, duas mulheres foram encontradas mortas no interior de uma residência localizada no cruzamento da Avenida Hérlio Cardozo com a Rua Campos Sales, na cidade de São Gonçalo dos Campos (BA). O município fica a cerca de 130 quilômetros de Salvador (BA). Segundo informações da Polícia Militar, os corpos estavam na sala da casa e apresentavam perfurações no pescoço provocadas por um objeto cortante. As vítimas foram identificadas como Evilyn Machado Vasconcelos de Souza, 27 anos, e Daniela Dias Santana, 30 anos. A arma do #Crime, de acordo com a PM, não foi localizada.

Mulher estava visitando a amiga

Testemunhas relataram que as duas mulheres foram vistas pela última vez na noite do dia anterior ao crime quando voltavam de um desfile de um bloco cultural de uma festa que acontecia na cidade.

Publicidade
Publicidade

Conforme informações da polícia, as vítimas eram amigas e Daniela era quem residia na casa. A amiga estava no imóvel como visitante. A PM confirmou que a porta da casa estava aberta e não foram encontrados vestígios de arrombamento. Não houve informação se Daniela morava sozinha.

No local do crime, preso ao pé de uma das vítimas, a polícia encontrou um bilhete que teria sido deixado pelo autor dos assassinatos com o seguinte recado: "A (sic) família eu peço desculpa, mas ela não quis pagar o meu dinheiro. Mais (sic) tem pra festa!". Ainda não existem informações que possam identificar certamente a autoria e o motivo que teriam levado ao crime. A investigação da polícia está buscando verificar se existia realmente alguma dívida ou se o bilhete foi deixado com o intuito de confundir a PM.

Foi enviado ao local do crime uma equipe da unidade do DPT (Departamento de Polícia Técnica) de Feira de Santana, que fica a 100 quilômetros da capital baiana, para realizar os trabalhos de remoção dos corpos.

Publicidade

Não foram repassadas informações a respeito do velório e do sepultamento das vítimas. A investigação do caso ficará sob a responsabilidade da Polícia Civil da cidade de São Gonçalo dos Campos. #Bizarro