O paulistano deve se preparar para um final de semana muito quente e com pouca nebulosidade, sem previsão de chuvas ou tempestades. O Serviço de Meteorologia prevê uma temperatura de cerca de 35° com sensação térmica que pode passar os 40º. Este calor é causado por um sistema de alta pressão vinda do Atlântico Sul, fenômeno que diminui os riscos de chuvas com temporais, deixando o ar mais seco e o céu com pouca nebulosidade.

Os paulistanos devem redobrar os cuidados com idosos e crianças devido ao perigo causado pelo excesso de sol e pela perda de líquidos, insolação, fadiga e cansaço podem surgir devido ao forte calor. Beber muita água e evitar sair após as 11 horas do dia, quando a temperatura aumenta muito

O litoral paulista deverá receber um grande número de turistas devido ao forte calor, quando poderão aproveitar bem o final de semana na praia sem a preocupação de tempestades ou raios. Isso deve-se ao ar seco que impede a aproximação de tempestades com raios, que foram a grande preocupação dos banhistas nestes últimos dias, quando fortes chuvas com raios castigaram o litoral e a capital paulista.

À tarde de ontem (9), registrou temperatura de 33,7 graus de calor a segunda maior do ano e este final de semana promete ser ainda mais quente.

Segundo o Serviço de Meteorologia, não há previsão de chuvas para a Capital e o Litoral pelo menos até o final da próxima semana, pois, esta alta pressão estacionada no Estado impede qualquer frente fria de se aproximar.

Pode chover em pontos isolados, porém, com chuvas rápidas e sem risco de tempestades. A temperatura neste final de semana manterá a média de ontem e hoje que é por volta de 35°.

Para aproveitar bem os dias quentes basta apenas tomar alguns cuidados especiais como o uso de hidratantes, beber bastante água e líquidos em geral para manter a hidratação, passeios em parques com muitas árvores, piscinas e a praia, mas, evitando a exposição direta ao sol entre as 11 e 17 horas do dia.

Praias Impróprias para Banho no Litoral Paulista:

Ubatuba – Enseada, Itagua e Rio Itamambuca.

Caraguatatuba – Cocanha, Prainha, Indaiá e Palmeiras.

São Sebastião - Pontal da Cruz, Cigarras,, Porto Grande, Deserta e Preta do Norte.

Ilha Bela – Praia do Pinto, Saco da Capela, Itaquanduba, Viana e Itaguaçu.

Bertioga – Sem registro de praias impróprias.

Guarujá Perequê.

Santos – Praia do José Menino.

São Vicente – Praia da Divisa, Praia da Ilha Porchat, Gonzaguinha, Milionários e Prainha.

Praia Grande – Vila Mirim, Caiçara, Boqueirão, Aviação, e Maracanã.

Mongaguá – Vila são Paulo e Central.

Itanhaém - Praia do Centro.

Peruíbe – Sem registro de praias impróprias.

Iguape – Sem registro de praias impróprias.

Ilha Comprida – Sem registro de praias impróprias. #Turismo