A Associação Brasileira de Psiquiatria recomenda que todas as pessoas fiquem ao menos 15 minutos no silêncio todos os dias. Atualmente, somos viciados em estar sempre escutando algo, voluntariamente ou não. Entre os paulistanos, os ruídos podem ser ainda mais potencializados. Ao separamos alguns minutos para ficar em total silêncio, os batimentos cardíacos diminuem, assim como a frequência de nossa respiração. E, dessa forma, a vida fica ao menos um pouco mais tranquila. 

Confira abaixo seis lugares em São Paulo que costumam ser silenciosos para você visitar de vez em quando e relaxar da correria e barulho de todos os dias.

Publicidade
Publicidade

Templo Odsal Ling

O templo budista fica na região metropolitana de São Paulo, na cidade de Cotia, a aproximadamente 1 hora de distância de carro. A arquitetura local é toda inspirada na cultura oriental, com construções e estátuas grandiosas e cheias de detalhes. O espaço oferece retiros espirituais e cursos introdutivos ao budismo. A entrada é gratuita.

Praça Pôr do Sol

O nome do lugar já diz tudo, não é? Mas a Praça Pôr do Sol também é muito frequentada durante o começo da manhã, de segunda a sexta-feira. Nesses momentos, a praça geralmente tem clima agradável e é bem silenciosa, boa para deitar na grama, ler um livro ou simplesmente relaxar. Nos fins de semana, o espaço não é tão tranquilo e silencioso. O seu gramado fica repleto de pessoas assistindo ao pôr do sol, ouvindo música, cantando e conversando.

Publicidade

Biblioteca Alceu Amoroso Lima

Essa pode ser considerada uma das mais silenciosas bibliotecas da cidade. Nessa biblioteca localizada em Pinheiros, os frequentadores realmente respeitam a regra. E o segundo andar é perfeito para relaxar. Além de mesas, há confortáveis pufes para apreciar bons livros.

Núcleo da Pedra Grande

No parque estadual da Cantareira, é possível fazer três trilhas: a da Pedra Grande, a da Bica e a das Figueiras. A da Pedra Grande vai até a rocha, que fica a mais de 1000 metros de altitude. Lá do alto, é possível ver boa parte da cidade de São Paulo de cima, numa distância que faz a cidade parecer tranquila.

Mirante de Santana

Outro ótimo local silencioso, para relaxar e ver São Paulo do alto. O mirante fica a quase 800 metros acima do nível do mar. Apesar do passeio ser gratuito, o ideal é agendar visita para o início da manhã. É lá que fica a estação do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet).

Pavilhão Japonês

Localizado no Parque Ibirapuera, o Pavilhão Japonês foi inspirado no Palácio Katsura, de Quioto (Japão). Ele foi entregue pela colônia japonesa na cidade em meados dos anos 50. Nele, é possível se distrair num relaxante lado cheio de carpas ou admirar a tradicional e bela arquitetura. A entrada custa 6 reais (inteira) ou 3 reais (meia). 

Conhece algum outro lugar silencioso que não foi mencionado? Deixe o seu comentário abaixo e compartilhe conosco! #Dicas