Hoje (2) no litoral paulista um tanque de combustível da Ultracargo explodiu e expele uma fumaça negra que pode ser vista a quilômetros de distância. Pessoas de outras cidades postam fotos em redes sociais mostrando a nuvem negra de fumaça que paira no céu. O Porto de Santos está parado no momento por questões de segurança.

A empresa Ultracargo foca seu trabalho na armazenagem de combustíveis e líquidos. Segundo bombeiros, policiais e responsáveis, os depósitos atingidos até então contêm álcool (etanol) e gasolina. Acredita-se que o fogo ainda irá durar mais de 3 dias, gerando fumaça e riscos a todos.

Por enquanto o foco dos bombeiros é não deixar o fogo se alastrar, por isso estão tentando resfriar os depósitos atingidos, o que é uma tarefa árdua e complicada, já que devido ás temperaturas altíssimas a água não atinge as chamas, chegando a evaporar antes.

Publicidade
Publicidade

A fumaça gerada principalmente por combustíveis fósseis é nociva a saúde humana, por isso as autoridades alertam que a população mais próxima ao porto fique atenta as mudanças da situação. Máscaras e panos úmidos pela casa ajudam em quaisquer situações de incêndio e queimada próximos de residências.

Segundo informações da Folha de São Paulo, duas pessoas foram feridas no acidente: uma teve problemas respiratórios devido a inalação de fumaça no ambiente e a outra pessoa ficou em estado de choque devido a explosão.

A polícia evacuou uma área de mais de 4 mil metros quadrados em raio com a explosão, incluindo trechos do mar e da cidade do litoral sul paulista. Com 80 homens e viaturas no local,os policiais não afirmam se irão retirar as pessoas que moram nas proximidades, principalmente no bairro Jardim Piratininga.

Publicidade

Algumas pessoas, por si mesmas, deixam suas casas nas proximidades.

Roger José, um caminhoneiro que estava no local afirma que o incêndio nos depósitos vieram antes da explosão. Ele se jogou em uma valeta, abandonando seu veículo. Para quem é da imprensa o máximo que se pode aproximar do acidente é de meio quilômetro, por questões de segurança, já que o ar está escuro e impróprio, além de possíveis riscos de explosões.

A população da área deve se manter antenada como já dito, e mesmo para quem está longe, em outros estados do Brasil e até pelo mundo, que leve a sério a questão de incêndio. Eles fazem muitas vítimas em todo mundo durante um ano, isso nos motiva a melhorar a segurança e sermos mais cuidadosos.