É de arrepiar qualquer pessoa:  um vídeo mostra uma cadela recolhendo garrafas PET que estão flutuando sobre o rio Tietê. A cadela salta da margem do rio ou de uma barcaça do Departamento de Águas e Energia Elétrica de São Paulo, nada até as garrafas, e as traz, uma a uma, para fora do rio.

O rio Tietê é um rio considerado morto, altamente poluído por esgoto doméstico, cheio de bactérias anaerobias, lixo, pneus, garrafas e toda ordem de objetos que são lançados ou captados ao longo de seus afluentes.

O rio Tietê é cheio de surpresas e já teve um habitante ilustre em 1992, um jacaré-de-papo-amarelo, batizado de "Teimoso".

Publicidade
Publicidade

Recebeu esse nome porque sempre escapava das tentativas de captura feitas por biólogos. Muita gente não  lembra mais disso, mas Teimoso foi capturado e hoje vive bem melhor, no Parque Ecológico do Tietê, na zona leste da capital.

Quem trafega pela marginal do rio Tietê, já pode observar também a presença de algumas capivaras, que moram e sobrevivem às margens do rio. 

Agora o animal mais ilustre deste rio poluído é uma cadela, que já foi um dia um cão abandonado e agora vive no alojamento dos funcionários responsáveis pela limpeza das margens do rio. Sabrina provavelmente se inspirou  nos colegas de trabalho do Departamento de Águas e Energia Elétrica de São Paulo(DAEE), que fazem o trabalho de limpeza do rio Tietê.

Em meio a tanta poluição, com garrafas PET flutuando por toda parte e cercada de água escura na cor chumbo, Sabrina não poupa esforços para nadar até cada uma das garrafas e ajudar o pessoal.

Publicidade

O vídeo mostra que Sabrina recolheu 20 garrafas em 25 minutos. Parece pouco, mas essa cadela está fazendo a sua parte, embora nem tenha a obrigação de fazer. As pessoas é que têm a obrigação de zelar mais pela cidade em que moram, para evitar que esse lixo todo seja lançado ao rio.

Desde 2011, o DAEE já retirou mais de 15 milhões de toneladas do rio Tietê.

Os veterinários que viram o trabalho de Sabrina dizem que ela está sujeita a doenças, como a leptospirose.

Mas os leitores podem ficar tranquilos, segundo os funcionários, Sabrina foi vacinada.

Vida longa à Sabrina! #Animais #Cães