O que era para ser um momento de satisfaçãou tornou-se um desprazer para uma consumidora da Cacau Show localizada no Shopping Metrópole, em São Bernardo do Campo, cidade da região metropolitana de São Paulo

Na última segunda-feira (21), a jovem Thaís Lima, que também trabalha no centro comercial, comprou um fondue de morango para consumi-lo durante seu período de descanso. De acordo com reportagem publicada no jornal ABCD Maior, enquanto saboreava o doce, a consumidora encontrou larvas vivas misturadas com a calda. 

Reclamação no Facebook

Decidida a buscar esclarecimentos e solicitar o reembolso da compra, a jovem voltou até a Cacau Show e foi duramente criticada pelos funcionários daquela franquia.

Publicidade
Publicidade

Sem saída, resolveu então publicar sua indignação no Facebook, que logo foi compartilhada entre parentes, amigos e desconhecidos, indignados com a situação..

A reclamação na rede social deu resultado. Nesta terça-feora (22), a gerente da loja entrou com contato com Thaís para solucionar a questão. Conforme depoimento registrado pela repórter Jessica Marques, o dinheiro do fondue foi devolvido e a empresa se comprometeu a custear quaisquer gastos médicos provocados pela ingestão do alimento. 

Segundo relato da cliente, o consumo do produto teria causado intoxicação, ânsia e fortes dores de estômago. 

Larvas são comuns

Ao contatar o fornecedor dos morangos utilizados pela Cacau Show, a gerente da loja recebeu como resposta do mesmo que é comum a presença de larvas, visto que as frutas são tratadas com menor quantidade de agrotóxico para manter o frescor.

Publicidade

Diante desse quadro, conforme explicado na reportagem do ABCD Maior, para evitar novos problemas com outros consumidores, a loja descartou os fondues que ainda restavam no estoque e solicitou uma nova encomenda à central para garantir que o episódio não se repita. 

Ainda segundo a gerente, os morangos são higienizados seguindo os procedimentos exigidos pelas vigilância sanitária. 

A matriz da Cacau Show não se pronunciou sobre o caso de São Bernardo até o momento.  #Grande ABC