A rede de supermercados Ipanema teve valores de suas contas bancárias bloqueadas pela justiça na tarde de 4 de março de 2016.

A decisão foi tomada pela Juíza da primeira vara do #Trabalho de Franco da Rocha, Cláudia Zerati, após a empresa não cumprir a decisão de pagar os valores devidos à um ex-funcionário que é menor de idade. 

De acordo com o processo, a empresa agiu de má fé ao tentar adulterar a data de contratação do adolescente em sua carteira de trabalho.

" As cópias das CTPS demonstram que a reclamada retificou a data de admissão inicialmente anotada em 01/09/2014 para 02/06/2014, a fim de simular a existência de um contrato de experiência e a observância de norma constitucional trabalhista, que proíbe a contratação de menor de 16 anos, salvo na condição de aprendiz (art.

Publicidade
Publicidade

7º, XXXIII, da CF)", informa a sentença.

Ainda segundo a decisão, a rede de supermercados também não efetuou pagamentos referentes ao benefícios sociais do empregado, condenando-a a fazer.

Segundo a mãe do adolescente, a família procurou a empresa diversas vezes para tentar resolver o impasse de forma amigável, nunca obtendo sucesso.

Ainda segundo a mãe, ela procurou o responsável pelo RH do supermercado 3 vezes e alegou que não foi recebida.

Sem sucesso, procurou a contabilidade terceirizada pelo Ipanema, A Régulus, também com sede em Mairiporã, onde também não conseguiu resolver a questão.

"Nós só queríamos receber o que ele tinha para receber por direito. Ele não é voluntário para trabalhar de graça. Se eles tivessem o mínimo de respeito, eles teriam nos recebido e resolvido a questão.

Publicidade

O interesse era deles. Eu sabia que se acionasse na justiça eles sairiam prejudicados pelo fato de ele ser menor. Infelizmente foi a única saída. Eu tentei."

O supermercado vai ser notificado e poderá sofrer sanções do MPT (Ministério Público do Trabalho) pela contratação de menores de idade de forma irregular.

Os supermercados Ipanema são de propriedade da família Yokomizo, de origem Japonesa, que também controla outra empresa do mesmo ramo, o supermercado Quality.

Juntas, as empresas controlam o monopólio de supermercados na cidade de Mairiporã e seu distrito, Terra Preta, enfrentando concorrentes de menor peso, como Mihara e IHA.

Recentemente, a empresa ganhou um concorrente de peso para concorrer de forma mais justa, a famosa rede de varejo DIA.

O Ipanema foi procurado pelo site, mas não foi encontrado nos telefones obtidos pela redação.