A rede de concessionárias BMW Agulhas Negras, com unidades na capital paulista e em São Bernardo do Campo, cidade localizada na região do Grande ABC, publicou um anúncio em sua página na rede social Facebook e também no jornal "O Estado de S. Paulo" convidando a população para vacinação gratuita contra a gripe H1N1.

Em São Bernardo do Campo, o atendimento se dará no próximo dia 16 de abril (sábado), das 9h às 18h

Na filial de São Paulo, a vacinação foi realizada nesta quinta-feira (7). 

Em entrevista ao portal G1, o gerente da rede, Edcarlos Paulino, explicou que foram usadas verbas do departamento de marketing para a compra de mil doses da vacina em conjunto com uma clínica médica particular.

Publicidade
Publicidade

De acordo com o executivo, inicialmente a empresa teve a ideia de imunizar apenas os colaboradores das lojas e clientes, porém decidiu-se ampliar o benefício para a população em geral. 

Para Paulino, com a falta de vacinas contra H1N1 no mercado, que chegam a custar quase R$ 200,00 em clínicas particulares, a concessionária viu a possibilidade de mostrar solidariedade diante do quadro de epidemia que já matou dezenas de pessoas nas últimas semanas. 

Com a repercussão, a concessionária de São Bernardo receberá uma quantidade extra de doses. O número total não foi divulgado. O atendimento será por ordem de chegada.

A Agulhas Negras fica na avenida Doutor Rudge Ramos, número 837, com fácil acesso para quem utiliza as linhas municipais de ônibus. Quem reside nas outras cidades do ABC também pode comparecer ao local no dia 16.

Publicidade

A fábrica da BMW divulgou uma nota por meio da assessoria de imprensa informando que a campanha não tem relação com a marca, sendo esta uma ação isolada por parte da Agulhas Negras. 

Críticas e elogios

Nas redes sociais, a atitude da concessionária gerou críticas e elogios. Internautas que apoiam a ação esperam que outras empresas se inspirem e sigam o exemplo. Já os críticos acreditam que o melhor a fazer seria distribuir as doses diretamente nos bairros mais carentes em parceria com as unidades de saúde.  #Grande ABC