Um tornado atingiu Campinas, no estado de São Paulo, durante a madrugada deste último domingo (05), trazendo destruição, dor, medo e muito transtorno. Jonas Donizetti, prefeito da cidade, já confirmou que os meteorologistas avisaram que se tratou mesmo de um tornado; inclusive, eles percorreram algumas das áreas mais atingidas na cidade para registrarem o tamanho da destruição.

Os ventos ultrapassaram os 100km/h e a Defesa Civil logo foi para as ruas de Campinas para ajudar os desabrigados e feridos, não se sabendo ainda quantas pessoas foram atingidas pelo tornado. Assustado, o prefeito de Campinas informou que o vento era violento e agora a cidade vai começar a se recuperar do susto.

Publicidade
Publicidade

As imagens de satélite já apontavam que uma chuva moderada estaria chegando à região; entretanto, ela acabou ganhando força ao chegar em Campinas e se transformou em um tornado.

Felizmente não há mortos, mas esta é a única boa notícia para se comemorar, porque o caos é generalizado e muitas foram as residências destelhadas, tendo os moradores que correr para as casas de parentes e amigos. De acordo com o prefeito da cidade, pelas imagens de satélite não era possível prever que isto aconteceria; a previsão aponta para mais chuva em Campinas, mas nada parecido com o que aconteceu. Entretanto, depois do tornado que passou destruindo tudo, os moradores estão assustados e muitos passaram a noite em claro para não serem surpreendidos.

Mais de 200 funcionários da prefeitura ficaram nas ruas durante todo o domingo para ajudarem na limpeza da cidade, tendo sido utilizados 30 caminhões e cerca de 15 máquinas, tudo isto para conseguir remover os entulhos e os pedaços de ferros retorcidos que ficaram espalhados pelas ruas e avenidas.

Publicidade

O domingo foi de muito trabalho para os moradores, que tiveram seus imóveis danificados e em alguns casos destruídos. A prefeitura correu contra o tempo para liberar as principais avenidas da cidade para que nesta segunda-feira (06) a cidade possa começar a semana com menos transtornos. #Mudança do Clima #Chuvas Torrenciais