Foi inaugurado nessa segunda-feira (13), na cidade de São Paulo, uma nova opção de transporte oferecido pela #UBER. O UberCOPTER oferecerá helicópteros que interligarão quatro aeroportos e cinco helipontos, e será uma opção adicional às já existentes UberBlack e UberX. Trata-se de um projeto piloto, e a parceria foi anunciada em janeiro, entre a empresa de aviação Airbus e a Uber. Segundo as empresas, serão utilizados helicópteros H125 e H130 do Airbus Group. As aeronaves são das operadoras Helimarte, UniAir e AirJet. A capacidade é para transportar até cinco passageiros por vez.

Funcionamento

Ao procurar o serviço, o usuário será redirecionado para o site da empresa Airbus, onde deverá fazer um cadastro e preencher informações pessoais como número de CPF, RG, número de celular e peso.

Publicidade
Publicidade

A Aeronave transportará até cinco passageiros por vez, devendo ser respeitado o limite máximo de 500 kg. Assim como em outras aeronaves, o peso de bagagem também é limitado: é permitido carregar malas de mão de até 5 kg e bagagens com até 25 kg. 

Valores cobrados

Participam do projeto o aeroporto de Guarulhos, além do aeroporto de Viracopos, em Campinas e Campo de Marte e Congonhas, na cidade de São Paulo. O valor cobrado será uma combinação do variável do UberBlack (opção que oferece carros sedãs médios, tipo o Ford Fusion, Hyundai Azera, o Toyota Corolla e o Volkswagen Jetta, com no máximo três anos de uso, sempre preto e com bancos de couro), com o preço de deslocamento entre os pontos de decolagem e pouso. 

Por exemplo, um voo, que dura em média 12 minutos, entre o Blue Tree, ponto que fica na Avenida Faria Lima, e o Aeroporto de Guarulhos, custará em média R$ 271 por passageiro. 

Outras parcerias da Uber

Não é essa a primeira parceria da Uber como opção de expandir os meios de transporte a oferecer aos seus associados, já fez parcerias até para promover filmes e entregar produtos. 

Na Turquia, na cidade de Istambul, existe o UberBoat, que é um serviço de lanchas.

Publicidade

 

Nos Estados Unidos, se aliou à Xiaomi, empresa chinesa, para fazer entregas de smartphones na Malásia e na Cingapura. 

Outra parceria foi com a Warner Bros. Em agosto, quando o filme Mad Max: Estrada da Fúria estava em cartaz, ocorriam corridas em Seattle, nos Estados Unidos, em carros saídos do universo do filme.  #Inovação