Quanto vale um voto? Ele pode ser mais do que suficiente para colocar um candidato em um emprego público. Foi isso o que aconteceu com a jovem estudante Aline de Oliveira Zolin, de 25 votos. Vendedora de uma ótica na cidade de Jundiaí, ela chegou em casa depois de um dia cansativo de trabalho e descobriu que precisava tomar posse em Dracena, a 596 Km de distância. Ela garantiu em entrevista à 'Folha de São Paulo' que só teve um voto e que nem foi o dela, pois no dia da Eleição não estava na cidade. Após dezenas de ligações, ela tinha que decidir se aceitaria ou não o cargo de vereadora. 

Quem convocou Aline foi a Justiça Eleitoral.

Publicidade
Publicidade

Isso porque todas as pessoas da coligação dela estavam com problemas judiciais e acabaram deixando o poder. "Foi um grande susto. Fiquei muito surpresa. Mas agora está tudo bem e meu marido está me apoiando", contou ela na entrevista. A jovem vereadora chegou a dar até entrevista para um telejornal da TV Globo, mostrando como o caso acabou tendo repercussão nacional. Apesar de ter se candidatado vereadora no ano de 2012, assuntos pessoais a fizeram não ter nem mesmo uma campanha. Ainda assim, ela não sabe muito bem, mas acabou tendo um voto. Será que foi alguém que digitou o número errado? 

 

O vereador eleito para o cargo, Rodrigo Castilho, acabou tendo o mandato cassado após mudar de partido fora do tempo permitido. A infidelidade partidária o fez ter que abandonar a cadeira na Câmara. A jovem agora terá apenas três meses para mostrar trabalho.

Publicidade

Aline só pôde conseguiu a vaga, pois ela era a única candidata que ainda era filiada ao PSD, legenda que elegeu o ex-vereador que trocou de sigla. Por isso, apenas ela poderia ser a primeira suplente do cargo. A Justiça eleitoral entendeu que a vaga é do partido e não da coligação, o que fez com que outros candidatos não entrassem no lugar de Aline. 

Após virar política, a nova vereadora teve que pedir demissão de onde trabalhava. Ela também transferiu o curso da faculdade que fazia. A jovem receberá  R$ 4.473,68 e garante que o valor não é muito maior do que ela recebia antes. O marido, que é metalúrgico, por enquanto, continuará na cidade onde o casal morava.  #Eleições