No dia 7 de outubro, sexta-feira, #criminosos causaram um grande alvoroço na Lotérica de Barra Bonita, Zona Oeste de #São Paulo. A polícia informou em nota que os criminosos chegaram em um carro preto, do qual parte dos criminosos desceram para fazer o assalto enquanto o restante quadrilha dava cobertura do lado de fora da Lotérica.

Uma equipe policial que passava na hora viu toda a ação da quadrilha, logo em seguida os policiais solicitaram reforço e isolaram o local. Logo após a chegada da polícia, parte dos criminosos que estavam do lado de fora da lotérica entraram no carro e conseguiram fugir. Dentro da lotérica, um dos policiais pediu para o bando se entregar, mas o pedido de um deles foi negado, o mesmo sacou sua arma e apontou na direção da cabeça do policial.

Publicidade
Publicidade

Com a casa lotérica cheia, o policial conseguiu desviar do tiro e efetuou alguns disparos para cima do criminoso.

Depois de alguns minutos de negociação, o restante da quadrilha resolveu se entregar, dando fim nessa história. Os bombeiros foram acionados para socorrer o suspeito que tinha sido baleado por um dos policiais, e o mesmo foi levado para o hospital da região, onde aguarda uma cirurgia para a retirada da bala. Os outros envolvidos no caso foram presos no local e levado pra delegacia, onde serão ouvidos e depois levados para um presídio próximo. Nessa ação ninguém ficou ferido, apenas um criminoso.

Com os criminosos foram apreendidos 4 pistolas calibre 22, coletes a prova de balas, dinamites caseiras, máscaras e outros acessórios. O material foi apresentado ao delegado de plantão, que disse em nota, que parte do armamento usado pela quadrilha era exclusivo da PM.

Publicidade

Vai ser aberto um inquérito para saber se essa informação procede.

A ação dos criminosos provocou muita confusão pra quem passava na Rua Primeiro de Março, uma das mais movimentadas do Estado de São Paulo. Após o ocorrido, comerciantes aplaudiram a ação rápida e eficiente dos policiais. A Policia Civil ainda está à procura do resto da quadrilha.