Uma equipe de jornalistas, de uma afiliada da Rede Globo, foi agredida e ameaçada na manhã desta segunda-feira (28). O homem, que se identificou como dono do #Motel, abordou a equipe da #TV TEM enquanto gravavam uma matéria sobre um crime de assassinato, que aconteceu em um quarto do motel na cidade de Penápolis, no domingo (27). A Vítima era um homem de 20 anos, que morreu depois de ser alvejado por uma arma de fogo. A principal suspeita é uma adolescente de apenas 17 anos, mas ela nega o crime.

O dono do motel chega de automóvel, desce do carro gritando com a equipe e depois coloca a mão na frente da câmera. Ele começa a ameaçar dizendo que os jornalistas estão ‘caçando’ e que vão achar.

Publicidade
Publicidade

Extremamente nervoso, o homem, não quis dizer seu nome quando perguntado pelo repórter. E depois, continuou ameaçando e falando que ia buscar os jornalistas na casa deles, já que eles são moradores de Araçatuba.

O crime

Um homem de 20 anos morreu no motel, na madrugada do dia 27. Para a polícia a principal suspeita é a namorada da vítima, uma adolescente de 17 anos. Ela nega o crime, falou que estava no banheiro e escutou o estrondo do tiro, ao sair, o jovem estava cheio de sangue no chão.

O homem de 20 anos foi levado pelo corpo de bombeiros para o hospital da cidade em estado gravíssimo. Depois foi encaminhado para UTI da Santa Casa de Araçatuba, no estado de São Paulo, mas não resistiu aos ferimentos.

Os investigadores fizeram buscas na região do crime e no motel, encontraram uma arma de fogo, que foi levada para a perícia para saber se é a arma do crime.

Publicidade

Uma funcionária do motel falou para a polícia que viu quando a jovem saiu do quarto com algo nas mãos. Para os investigadores a jovem levava o revólver.

É terminantemente proibido a entrada de menores de idade em motéis, segundo o Estatuto da Criança e Adolescente. O juiz da Vara da Infância da cidade disse que Evandro Pelarin, dono do motel, deixa menores entrarem no local.

Nota

A ABERT (Associação Brasileira de Emissoras de Rádio e Televisão), emitiu um comunicado de repúdio às ameaças que a equipe de jornalistas sofreu durante a gravação da matéria na frente do motel.

Deixe um comentário, sua opinião é importante para este site. #agressão