Uma tragédia marcou o domingo de algumas famílias na grande São Paulo. Uma jovem que realizaria o seu sonho de se casar, ia de helicóptero para São Lourenço da Serra, quando a aeronave caiu e matou as quatro pessoas a bordo.

A noiva e seu noivo estavam aguardando o grande dia há cerca de um ano. Segundo informações preliminares, a moça, de aproximadamente 30 anos, morava em Itapecerica da Serra. Ainda não se sabe o que causou a queda do helicóptero, mas a tarde paulista foi de muita neblina e chuva na região do #Acidente, o que pode ter contribuído para a queda.

A cerimônia estava marcada para as 16h e foi exatamente nesse momento que aconteceu o acidente.

Publicidade
Publicidade

Os bombeiros informaram que foram acionados as 16h36 e que o helicóptero Águia da Polícia Militar levantou voou, mas não conseguiu continuar por conta da chuva e da neblina, precisando retornar.

Segundo os bombeiros, as quatro vítimas morreram no local do acidente. Estavam na aeronave, além da noiva, o seu irmão, uma fotógrafa grávida de seis meses e o piloto do helicóptero. A FAB foi acionada e identificou a aeronave e segundo o organizador da festa, Carlos, o ponto de partida foi um aeroporto de Osasco, que fica na zona oeste de São Paulo.

Um sonho que virou pesadelo

O noivo já se encontrava no altar esperando sua futura esposa e não sabia que ela viria de helicóptero. Apaixonada, a moça queria fazer uma surpresa para o rapaz. Apenas o organizador da festa e alguns funcionários do buffet sabiam que Rosimeire realizaria o seu sonho chegando ao local de helicóptero, nem mesmo os convidados sabiam.

Publicidade

Ao estranhar a demora para a aeronave chegar, Carlos entrou em contato com a empresa do helicóptero e foi informado que a aeronave havia decolado e que já devia ter chegado. Pouco depois soube-se que um helicóptero havia caído. Ao ter a confirmação das mortes, Carlos comunicou um pastor que faria a cerimônia e os dois foram dar a notícia para o noivo, que ficou em estado de choque. Depois os 300 convidados da festa foram informados da tragédia e ninguém sabia como agir diante de uma notícia tão devastadora.

A FAB e a delegacia da cidade irão investigar as causas do acidente. Pela internet, amigos e internautas que tiveram conhecimento do acidente, mandaram orações e mensagens para a família das vítimas. #Tragédia #Casamento