Na manhã do último domingo (8), no Brás, zona sul de São Paulo, Valdemiro Santiago, fundador da #Igreja Mundial do Poder de Deus, sofreu uma tentativa de homicídio dentro da igreja.

Durante a realização do culto, que é transmitido ao vivo para todo o Brasil, o #Pastor Valdomiro foi golpeado com um facão enquanto ouvia os fiéis. O homem enfurecido aproveitou o momento em que o pastor atendia aos fiéis, aproximou-se do religioso e desferiu um golpe de facão em seu pescoço sem chance de defesa para a vítima. O líder da Igreja Mundial foi encaminhado de ambulância para o hospital, devido à gravidade dos ferimentos. No hospital, o pastor foi submetido a uma cirurgia, onde legou cerca de 20 pontos no pescoço.

Publicidade
Publicidade

Valdemiro Santiago acalmou seus fiéis dizendo que perdoa seu agressor.

“Estava ouvindo o testemunho de alguns fiéis quando se aproximou um rapaz que não sei quem era e desferiu os golpes de facão em meu pescoço. Estou bem e eu perdoo o meu agressor. Que Deus abençoe a todos.”, disse o pastor.

O culto foi transmitido ao vivo para todo o país

O culto estava acontecendo por volta das 8 horas da manhã, tendo como pregador outro pastor. No momento do ataque, Valdemiro Santiago estava sentado ouvindo relatos de milagres dos fiéis. Em seguida, foi surpreendido com golpes de facão no pescoço. Nas imagens é possível ver o momento após o ataque. O apóstolo estava rodeado de pessoas e com ferimentos e foi socorrido e levado ao hospital. O criminoso foi preso por seguranças da igreja.

Publicidade

O autor do ataque ao pastor foi identificado como Jonatan Gomes Higino, de 20 anos, ajudante geral. Segundo a polícia, Jonatan teria furtado o facão com intuito de matar o pastor Valdemiro, pois não tinha aceitado a pregação do apóstolo em um culto anterior.

Ainda de acordo com a polícia, Jonatan Gomes Higino responderá pelo crime de tentativa de homicídio por motivo fútil.

As investigações ficarão por conta da Delegacia de Homicídios da capital de São Paulo. O acusado está preso e aguardando o desfecho da ocorrência.

#Investigação Criminal