Eleitores de São José da Bela Vista, Cafelândia e Mococa irão às urnas novamente no próximo dia 2 de abril. Essa foi uma decisão aprovada e divulgada nesta quinta-feira(16) pelo Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo (TRE-SP) para os cargos de prefeito e vice-prefeito destes três municípios paulistas. Apenas eleitores com domicilio eleitoral nessas cidades e com situação regular poderão participar deste novo pleito.

Segundo a assessoria de imprensa do TRE-SP, os três candidatos eleitos aos cargos de prefeito nestas cidades tiveram seus registros de candidatura indeferidos e as decisões foram mantidas pelos tribunais nas instâncias recursais.

Publicidade
Publicidade

O artigo 224 do Código Eleitoral prevê anulação das #Eleições quando houver o registro de candidatura dos eleitos para cargos majoritários for rejeitado, independentemente do número de votos recebidos.

O Zé Dito (José Benedito de Fátima Barcelos), eleito pelo PSDB em São José da Bela Vista, teve o registro indeferido com base em condenação por abuso de poder político quando o mesmo era prefeito, fato que o torna inelegível segundo a Lei 64/90 (Lei das Inelegibilidades). Zé Dito foi eleito com 3.019 votos entre os 6.098 eleitores que compareceram às urnas.

Já em Cafelândia, o também tucano Luis Otavio Conceição de Carvalho teve o registro negado por ter sido condenado por nada menos que lesão ao patrimônio público e enriquecimento ilícito. Mais de 5 mil votos válidos entre os 10.467 eleitores que votaram.

Publicidade

Por fim, em Mococa, condenações que incluem até enriquecimento de terceiros causaram o indeferimento do registro do Cido Espanha (Aparecido Espanha), do PROS. Cido Espanha foi eleito com 19.412 votos dos 40.326 eleitores que foram às urnas. Apesar dos seus mais de 19 mil votos, o candidato aparece zerado na apuração do TSE e mesmo em primeiro, Maria Edna (PSD) não pôde ser considerada eleita - já que pela regra, se o candidato indeferido tiver mais votos que o primeiro colocado, com votos válidos, tem que ser feita uma nova eleição na cidade.

Nenhum dos candidatos indeferidos poderá participar desta nova eleição. #VoltaàsUrnas #InteriorSP