Publicidade
Publicidade

Confundida normalmente com uma mulher gestante, a dona de casa de 34 anos, Roseli Christianini Martins, moradora do litoral paulista, espera há quatro meses para conseguir um tratamento para diversos tumores em todo o seu corpo. Surpreendentemente [VIDEO], um dos tumores de Roseli, tem cerca de 20 centímetros e, por estar situado no ovário, a dona de casa, por diversas vezes, é confundida com uma mulher em estado de gestação.

A dona de casa estava internada no hospital municipal Irmã Dulce, de Praia Grande [VIDEO] (litoral de São Paulo), esperando um vaga no hospital estadual Guilherme Álvaro (Santos), para tratamento através do Sistema Único de Saúde.

Publicidade

Após um vídeo com um apelo emocionante da dona de casa viralizar, ela foi internada sexta-feira (18), para passar por avaliação pré-operatório e dar continuidade no tratamento que provavelmente resultará em cirurgia.

Roseli Christianini [VIDEO] Martins, mãe de três filhos, comentou que o início do seu sofrimento foi no mês de abril de 2017, quando notou que sua barriga começou a crescer, a dona de casa esteve quatro vezes no hospital nesse período e foi liberada. Ela disse que sentia muitas dores fortíssimas e os médicos diziam que eram gases. Quando Roseli não aguentava mais as constantes dores, chegaram os resultados dos exames no final de julho deste ano, constatando os tumores e dessa vez ela acabou ficando internada.

Foram detectados sete tumores, uma metástase no fígado, quatro tumores no intestino, três no ovário esquerdo sendo que um deles mede 20 cm (vinte centímetros).

Publicidade

Com a ajuda de amigos, Roseli gravou um vídeo pedindo ajuda que viralizou na internet e resultou na sua internação no hospital estadual Guilherme Álvaro, em Santos, no litoral de São Paulo.

Internada, a dona de casa aguarda que sua enfermidade seja sanada o mais rápido possível, pois, como ela mesmo comentou, não aguenta mais tamanho sofrimento. Roseli está à base de morfina, tem dificuldades para se alimentar e teve um aumento de peso de 16 quilos devido ao tumor localizado no ovário. Ela fez um apelo dizendo que não aguenta mais e não sabe mais o que fazer. Veja o vídeo do apelo de Roseli:

Resposta das autoridades de saúde na região

A Secretaria de Saúde de São Paulo se pronunciou sobre o caso através de nota dizendo que o setor responsável pela busca de vagas, a Central de Regulação de Vagas da Baixada Santista, só teve conhecimento do caso via comunicado do Hospital municipal de Praia Grande, Irmã Dulce na quinta-feira (17) e a busca de vagas no sistema se iniciou imediatamente. #tumorgigante #videonaweb #descasocompaciente