Quem nunca ouviu uma #História sobre alguém que viu um OVNI ou sobre pessoas que dizem terem sido abduzidas? A vida real, assim como a telinha, estão cheias de histórias do tipo. Temos a NASA como referência e muita curiosidade sobre o que eles escondem. Mas você sabe que há evidências bem mais perto do que a NASA?

A Força Aérea Brasileira mantém, desde o ano de 1952, registros oficiais e arquivos confidenciais de muitos avistamentos de OVNIs pelo país e é enfática ao dizer que eles não são produtos da imaginação das pessoas e que sim, eles existem.

Talvez você não saiba, mas parte desses registros foram liberados há pouco tempo pelos militares e estão no Arquivo Nacional, em Brasília. É, pessoal, que NASA que nada! Também estamos antenados, registrados e documentados!

Aos relatos se dá credibilidade maior por serem, na sua maioria, feitos por oficiais militares, pilotos e controladores de voo, cujo treinamento prevê que saibam identificar e reconhecer qualquer fenômeno atmosférico. Só no ano de 2010, a Aeronáutica registrou 6 casos. Isso assusta ou apenas te dá mais certeza nas coisas que acredita existirem?

Aproveitando que o assunto é esse, de Brasília vamos à Florianópolis, onde aconteceu, em um hotel em Cacupé, no norte da Ilha, o Primeiro Fórum Mundial de Contatados, onde reuniram-se pessoas de todos os lugares do mundo (!) para contar e trocar experiências vividas com OVNIs. Alguns participantes dizem, inclusive, ter registros de discos voadores - em milhares de filmagens.

Um dos presentes veio ao evento para, além de contar suas experiências (é quem tem os milhares de vídeos gravados), liderar uma vigília ufológica, que é uma observação do céu em uma das noites do evento, em um mirante da ilha. Mas nesse dia São Pedro decidiu atrapalhar os planos dele e de quem iria junto, e mandou água - a chuvarada começou e só parou no outro dia, quando todos iriam embora.

Agora não sei se sinto medo, pois moro bem perto desse local. E se os visitantes do espaço errassem o local e parassem no meu quintal? #Opinião

E você, acredita na vida inteligente além do nosso planeta? Deixe seu comentário!