O sonho de muitas mulheres e casais é ter filhos, mas nem sempre eles conseguem, devido a problemas de um ou de outro. Mesmo casais de mulheres que precisam recorrer a métodos alternativos para formarem a sua família, como a adoção ou mesmo métodos artificiais.

Há vários métodos de se conseguir engravidar - inseminação artificial, fertilização in vitro e o método ao qual muitos recorrem quando não querem utilizar métodos artificiais, a barriga de aluguel. Muitas vezes os espermatozóides utilizados para a fertilização são do próprio marido e outras vezes são de doadores anônimos, de bancos de sêmen. Mas há um caso muito peculiar, que veremos a seguir.

O homem que ajuda mulheres a engravidar de forma natural

Ed Houben é o seu nome e ele já tem algumas dezenas de filhos. O curioso é que ele não doa seus espermatozóides para bancos de sêmen, ele engravida as mulheres de forma natural. Seu objetivo é ajudar casais que querem ter filhos mas que não têm dinheiro para um tratamento ou simplesmente não querem optar pelos métodos artificiais.

Quando perguntado sobre quem o procura, Ed diz que é procurado geralmente por mulheres solteiras que sentem já estar passando a hora de ter filhos, por casais de homossexuais mulheres e mesmo por casais heterossexuais, mas ele enfatiza que jamais encontra os maridos.

Ele diz que isso faz parte de querer fazer algo positivo para o mundo, que não cobra pelos serviços e que sabe exatamente onde estão seus filhos, pois tem uma lista, com cada um deles. Querem saber quantos são? Mais de 90. Diz ainda que sabe que existe a possibilidade de que algum filho queira vir a conhecê-lo, que as mães querem que ele esteja disponível caso isso aconteça - e ele concorda. Mas é bem enfático quando diz que seu papel não é fazer parte da vida da família.

Ed tem um website, que é por onde as mulheres o contatam. A partir daí rolam conversas, vão se conhecendo e se tudo der certo, acontece o encontro.
Digo que curti, que não curti ou me finjo de vaso?

Bem, cada um sabe de si. Meu lema é que as pessoas devem ser felizes com suas escolhas e sua forma de vida, com seus pensamentos e suas ações. Não há como ficar indiferente a uma pessoa como ele, que, da sua forma, está realmente ajudando pessoas. Quem tem amigas ou alguém na família que não pode ter filhos e fica triste toda vez que vê uma mulher gestante, sabe exatamente do que falo. Do sofrimento que é.

Mas eu daria um conselho ao Ed Houben: trabalhe, meu filho. E bastante, porque se der a louca no mundo, tu vai ter muita pensão para pagar. Brincadeiras à parte, gostaria de saber a opinião dos leitores. Esse é o tipo de assunto que sempre gera um bom debate. #Curiosidades