O problema da falta de água em Itapecerica, Minas Gerais, vem ocorrendo desde 2014. Neste ano foi decretado estado de calamidade pública. Os moradores começaram a pegar água nas minas para suprir necessidades básicas, pois suas caixas estavam vazias.

Desde o dia 17/01 várias casas ficaram sem abastecimento de água devido à escassez no município e voltaram a recorrer às minas. A Copasa informou que o Ribeirão está com o seu nível baixo e é ele que abastece a cidade. Estão realizando ações desde o dia 19/01 para tentar diminuir o problema da distribuição da água, que é grave.

Devido à escassez de água no dia 21/01 foi declarado que os eventos de Carnaval da cidade foram cancelados e outras cidades aderiram : Formiga, São Gonçalo do Pará, Oliveira e Arcos.

A cidade de Itapecerica possui um dos melhores carnavais da região, mas não há como comportar turistas e moradores que passarão o feriado na cidade. Eles não teriam como abastecer as caixas e assim seria um transtorno.

A prefeitura, para amenizar um pouco a situação, furou alguns poços, mas não instalaram as bombas. Uma moradora informou que a água mineral retirada das minas é que salva as casas. Os moradores dizem ter medo, se sentem inseguros e com pânico diante desse problema.

A falta de água é um fator preocupante não só em Minas Gerais, mas no Brasil. A estiagem abaixa o nível dos reservatórios de água, porém o que também contribui para o agravamento é a falta de investimentos no setor e a infraestrutura que é precária e que não possibilita saídas. O governo não realizou investimentos e nem obras e devido à falta de chuvas, todos pagam pelos erros da má administração pública.

É preciso que o governo invista no setor e busque soluções e que a população contribua e economize. Através de projetos e melhor uso, quem sabe o precioso líquido não falte nas casas?

Infelizmente não haverá celebração do Carnaval nas cidades que foram citadas, mas que cada um se divirta e busque passar essa época da melhor forma. O comércio das cidades sofrerá o impacto, muitas pessoas sobrevivem dele nessa época, mas a água é fundamental para tudo, e sem ela é impossível realizar o evento. #Crise