Durante todos estes anos de vida, sempre acreditei na sobrevivência à morte. Somos eternos, isto é um fato. E nestes últimos 24 meses abri minha mente para uma atitude completamente nova em relação à vida.

Quando absorvemos as verdades eternas do mundo espiritual, somos transformados em nossa visão e prática de vida. É como se andássemos de carro a vida toda e de repente descobríssemos que podíamos pegar um avião para chegar ao destino desejado, então depois de termos a experiência de voar, não podemos mais negar essa possibilidade. Passamos a enxergar o mundo de uma altura de mais de 10 mil metros e com esta nova perspectiva, nossa visão se expande.

Publicidade
Publicidade

A vida é feita de mudanças e mudança é a única constante em nossa existência. Por isto, além do conhecimento espiritual, é necessário ter fé, confiança e coragem para ultrapassar nossos limitados sistemas de crenças e expectativas e tentar experiências completamente novas. Aprendi que, quando alguém busca a verdade, deve tornar-se responsável por si mesmo.

Somos compostos de três partes: espírito, alma e corpo. É um absurdo pensar que a alma é limitada em qualquer sentido; ela é formada por vibrações em frequências diferentes que estão além do reino físico, portanto cada vibração tem uma aparência diferente da outra.

Seu corpo é a parte mais densa na frequência da alma e se move devagar, na parte mais elevada está o seu espírito, que é sua parte mais pura, é o seu eu superior.

Publicidade

E esta é a sua parte divina, em que você conecta-se diretamente aos domínios espirituais e transcende sua consciência limitada. O eu superior é um eu de alegria, de amor, de compaixão e de felicidade. Ele contém os elementos mais virtuosos e não poluídos de sua alma, que estão esperando para serem descobertos e expressos.

O eu inferior é o eu do ego. E esta é a parte do humano em nós. O eu do ego é focado em si mesmo e se for mal utilizado ou estiver em desequilíbrio, fica aprisionado nas ilusões do mundo físico e deseja coisas que não pode ter, tornando-nos vazios e nunca satisfeitos.

Por sermos seres pensantes, nossa mente sempre está fazendo algum tipo de comentário. Tomar plena consciência do momento presente é de suma importância. O passado já aconteceu, não há nada que possamos fazer a respeito; o futuro ainda vai acontecer, não há por que dirigir energias de preocupação para eles. A única coisa que podemos controlar é o agora. Eckhart Tolle disse: "Consciência é viver o agora.

Publicidade

Ao concentrar-se no Agora, você toma plenamente posse da sua realidade externa e interna e se torna capaz de fazer escolhas sábias e livres." Reflita por um momento: Seus pensamentos do momento estão construindo algo positivo para sua experiência de vida? Ou são banais, preconceituosos e prejudiciais para a construção do seu futuro?

Quando passamos a ficar mais atentos aos nossos pensamentos e os controlamos, verificamos a quantidade de lixo que somos capazes de tirar da nossa mente. Quando analisamos nossos pensamentos, percebemos que muitos deles são baseados na insegurança, medo e ideias pré-concebidas e nos deixamos influenciar facilmente por problemas e energias negativas.

Podemos aprender a viver o momento presente sem julgá-lo e isto traz alívio e liberdade. Quando começamos a abandonar nossos preconceitos, crenças arraigadas e velhos hábitos, abrimos espaço para a felicidade.

Ande mais lentamente, pare por alguns instantes, examine o que lhe cerca, o que lhe passa pela cabeça e ante qualquer situação, substitua os pensamentos negativos por pensamentos positivos, de amor e compaixão e respire profundamente. Estas são pequenas práticas transformadoras; seja persistente para que elas se tornem um hábito. Assumir o controle de seus pensamentos trará uma liberdade sem precedentes.

Tudo começa com o pensamento. Ele é vivo e sólido. Pensamentos são comunicados por ondas ou vibrações. A materialização física dos pensamentos se dá por meio das palavras. Pensamentos têm força e poder e devemos aprender a utilizá-los com sabedoria.

#Opinião