Um vestido preto e azul (sim, preto e azul) está provocando grande polêmica entre os internautas desde a noite de ontem, quinta-feira (27). O site Buzzfeed comentou sobre um post no Tumblr no qual as pessoas expressavam diferentes opiniões sobre as cores de um vestido fotografado em uma festa de casamento. A maioria dos envolvidos defende que a peça é branca e dourada, enquanto outros contestam com a ávida certeza de que o look é preto e azul. E eles estão certos.

O polêmico traje é, de fato, preto e azul. A explicação dessa confusão cromática é puramente científica e está relacionada ao famoso processo de ilusão de ótica.

Publicidade
Publicidade

O cérebro de cada pessoa interpreta de maneira diferente a informação luminosa que entra pelos olhos. Segundo o Yahoo Notícias, quando você olha para o vestido preto e azul e o enxerga branco e dourado, é a luz do dia sendo compensada a partir de um fenômeno denominado ilusão de luminosidade.

O neurocientista Bevil Conway, da Wellesley College nos EUA, explicou à Wired a ilusão de luminosidade. Como o funcionamento do olho humano adapta-se à luz natural, o cérebro está sempre descontando as variações de cor ao longo do dia, como o alaranjado do amanhecer e o azulado do entardecer. Isso ocorre como uma tentativa de estabelecer uma leitura correta da cor real, já que a imagem captada pelos olhos não corresponde 100% à realidade. O que acontece no caso do vestido, portanto, é o cérebro tentando descontar o azul ou o dourado, dependendo da sensibilidade à luz de cada indivíduo.

Publicidade

No meio da madrugada, a discórdia do vestido já contava com mais de 20 milhões de visualizações - bem mais do que alguns dos principais canais do Youtube no Brasil conseguem durante um ano. De acordo com o Yahoo Notícias, a Sony, a Victoria's Secret, a Amazon, times de futebol americano e basquete, entre outras empresas de grande nome já haviam opinado sobre o assunto. É um exemplo interessante do fenômeno da viralização na internet - que geralmente ocorre em ocasiões nas quais tornar-se um viral não é um objetivo. #Opinião