Muitas pessoas do mundo inteiro têm o sonho de morar na #Europa, seja pela busca de melhores condições de vida, ou por estarem fugindo de perseguições políticas, econômicas e sociais. Todavia, na maioria das vezes que um cidadão precisa entrar em um país estrangeiro, é necessário apenas emitir um visto e justificar a #Viagem.

Contudo, as pessoas gostam de se arriscar, cometer atos ilegais e viver na clandestinidade. Dessa forma, para fazer "loucuras", a imaginação não tem limites. Veja o caso de uma mulher de nacionalidade russa que tentou entrar na #União Europeia sendo transportada dentro de uma mala por seu marido francês.

Publicidade
Publicidade

Mulher dentro da mala

Os agentes que trabalham na fronteira da Polônia suspeitaram de uma mala de um homem francês. Inicialmente o cidadão europeu não despertava suspeitas, pois além de sua nacionalidade francesa, ele tem 60 anos e estava retornando para a Europa. Todavia, a mala estava muito estranha, por isso, os responsáveis resolveram inspecionar a mala do do passageiro. Ao verificarem a bagagem, eles descobriram o motivo da mala despertar atenção, a esposa do homem, de apenas 30 anos, estava viajando de forma ilegal dentro de uma grande bagagem. Ela estava "dobrada" - uma verdadeira contorcionista.

O casal pensou em fazer a viagem dessa forma, pois a mulher não tem visto para entrar na União Europeia. Devido a essa tentativa de ingressar no território europeu por vias ilegais, o homem e a mulher podem ser condenados com pena de 3 anos de prisão.

Publicidade

Por que se esconder em uma mala?

Ninguém entendeu o motivo do casal ter optado por essa viagem tão arriscada. Afinal, uma vez que o homem tem cidadania francesa, a esposa dele poderia ter requerido um visto diretamente à embaixada francesa na Rússia, Assim, não seria necessário passar por todo esse constrangimento e correr o risco de serem presos.

O casal estava fazendo uma simples viagem de Moscou (Rússia) para Nice (França). Quando estava na fronteira da Polônia e Bielorrússia, eles foram descobertos. Devido a essa nova forma de entrada ilegal, as autoridades irão intensificar a verificação de bagagem.