Poucas pessoas sabem como é enfrentar uma doença grave ou conviver com quem tem alguma patologia rara. Cada dia é um momento de novo aprendizado, de luta e de superação. Quando se trata de crianças então, a importância da ajuda de iniciativas privadas e principalmente de voluntários é sem medidas. Para uma entidade que busca apoio para crianças atendidas com esses problemas de saúde, o amor e a compaixão são os principais combustíveis para buscar por doações, pedágios, cafés, brechós e demais ações que buscam arrecadar fundos para custear os tratamentos.

É pensando em ajudar essas crianças que a Casa de Apoio de Blumenau -SC realiza mais uma vez um pedágio beneficente nesse sábado.

Publicidade
Publicidade

A intenção é mostrar que qualquer um pode ser um super-herói com uma atitude muito simples que algumas vezes é ignorada entre as sinaleiras de trânsito da cidade. Poucas moedas podem ser responsáveis por uma grande ajuda em toda a arrecadação de fundos para manutenção e compra de equipamentos como as próteses, por exemplo. O valor de cada centavo não tem preço para quem recebe e, muitas vezes, nem seria utilizado por quem doa. É na correria do dia a dia que algumas pessoas não se dão conta de quanto é importante ajudar alguém e contribuir para sua luta sem ao menos sair do lugar.

Durante 10 anos, a Casa de Apoio dá suporte ao câncer infantil e juvenil, oferecendo aos pacientes de Blumenau e região, além de hospedagem, um local de humanização, conscientização e apoio ao tratamento da doença.

Publicidade

Para realizar trabalhos como esses é preciso paixão, que é o que faz terminar o dia com a sensação de papel cumprido e acordar novamente com mais energia para mudar o dia de alguém, seja auxiliando no seu tratamento físico ou lutando junto emocionalmente.

Poucos lembram, mas qualquer um pode ser um super herói para as crianças com câncer, mielo e patologias raras. Basta ter a intenção e ajudar a propagar o bem. Porque afinal, todo o cuidado que as organizações sem fins lucrativos necessitam pode vir de qualquer um. E você, já teve a oportunidade de mudar a vida de alguém hoje?